Portugal é o terceiro país mais pacífico do mundo

Não bastassem a beleza e a riqueza cultural, Portugal foi eleito o terceiro país mais pacífico do mundo segundo o Índice Global da Paz em 2017, um ranking australiano que avalia a segurança em 163 países. A “terrinha” subiu duas posições em relação a 2016, ultrapassando a Áustria e a Dinamarca. Nos últimos cinco anos, o país subiu 13 posições no índice.

No topo do ranking estão a Islândia, que ocupa a primeira posição desde 2011, e a Nova Zelândia. No fim da lista, como os menos pacíficos, aparecem Síria, Afeganistão, Iraque, Sudão e Iémen.

Portugal é o terceiro país mais pacífico do mundo

Se por um lado Portugal comemora a terceira posição no ranking de países mais pacíficos, o Brasil ocupa o 108º lugar, com uma queda de três posições em relação a 2016. Pra se ter uma ideia, em 2016 foram registrados no país apenas 76 homicídios (1,3 por 100 mil habitantes). No Brasil, no mesmo período, foram 61.619 mortes violentas (29,9 por 100 mil habitantes).

Índice Global da Paz (2017)
🇮🇸 Islândia
🇳🇿 Nova Zelândia
🇵🇹 Portugal
🇦🇹 Áustria
🇩🇰 Dinamarca
🇨🇿 República Tcheca
🇸🇮 Eslovênia
🇨🇦 Canadá
🇨🇭 Suíça
108º 🇧🇷 Brasil
161º 🇮🇶 Iraque
162º 🇦🇫 Afeganistão
163º 🇸🇾 Síria

 

O Índice Global de Paz, realizado pelo Instituto para a Economia e Paz, sediado em Sydney, avalia 23 indicadores, como conflitos internos e externos, taxa de homicídios, manifestações violentas e nível de militarização. Você pode conferir o estudo completo no site.

+ 10 motivos pra você viajar pro país
+ Portugal eleito melhor destino do mundo
+ Todas as dicas pra sua viagem ao país

TALVEZ VOCÊ TAMBÉM GOSTE

Rafael Carvalho

Mineiro fã de frango com quiabo e de uma boa cerveja, mora atualmente em São Paulo. É formado em Rádio e TV, pós-graduado em Jornalismo e trabalha há mais de 12 anos com Conteúdo Digital. Já passou por empresas como SBT e Jovem Pan FM. Apaixonado por viagens, fundou o Esse Mundo É Nosso e roda o Brasil e o mundo o ano todo sempre em busca de dicas para serem compartilhadas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *