Quando planejei minha viagem ao Vietnã, além de conhecer as metrópoles malucas, remanescências da guerra e o paraíso de Halong Bay, fiz questão de incluir no roteiro alguns dias de descanso numa cidade do litoral. Após muitas pesquisas, descobri Nha Trang, a mais badalada cidade de praia do país. Foram três dias incríveis num dos lugares que mais gostei de toda a viagem.

Além de ser o balneário mais famoso do país, Nha Trang também é famosa por seu agito. A cidade lembra as praias brasileiras, com altos prédios à beira mar e um grande calçadão.

Nha Trang, Vietnã (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Nha Trang, Vietnã (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Nha Trang, Vietnã (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Nha Trang, Vietnã (Foto: Esse Mundo É Nosso)

A água tem cor azul anil, variando de tonalidade de acordo com a região.

Nha Trang, Vietnã (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Com clima quente e úmido durante boa parte do ano, é destino certo de vietnamitas e principalmente de turistas da Rússia na alta temporada (maio, junho e julho). Tanto que os cardápios e placas estão quase sempre também em russo.

Nha Trang, Vietnã (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Para os amantes de esportes aquáticos, Nha Trang é um prato cheio. Você encontrará as mais diversas modalidades a preços infinitamente mais baixos que no Brasil.

Nha Trang, Vietnã (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Por ser a mais procurada cidade de praia do Vietnã, a estrutura de hotéis e restaurantes é excelente, com o diferencial de ter os baixos preços do país. É uma boa chance para quem tem vontade de ficar em um hotel de luxo sem precisar gastar todas as economias pra isso.

Nha Trang, Vietnã (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Um dos lugares que mais gostei na orla e que visitei todos os dias foi o clube de praia Louisiane Brewhouse. Com espreguiçadeiras confortáveis na praia, piscina na orla, restaurante e serviços como toalhas, massagem e garçons, tem uma estrutura invejável para qualquer barraca de praia brasileira.

Louisiane Brewhouse em Nha Trang, Vietnã (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Louisiane Brewhouse em Nha Trang, Vietnã (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Louisiane Brewhouse em Nha Trang, Vietnã (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Louisiane Brewhouse em Nha Trang, Vietnã (Foto: Esse Mundo É Nosso)

E paga quanto? Bem pouco pela cadeira de praia (cerca de US$1). É possível ainda alugar toalhas e usar a piscina. Para quem gosta de cerveja artesanal, o Louisiane Brewhouse produz a sua própria ali mesmo em diversos estilos do produto, entre eles pilsener, dark lager e red ale (em torno dos US$2,50).

Louisiane Brewhouse em Nha Trang, Vietnã (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Louisiane Brewhouse em Nha Trang, Vietnã (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Os preços são um pouco mais altos que a média da cidade, mas ainda baixos para nós brasileiros. Aproveite o restaurante para uma refeição para espantar o calorão, como uma salada ou frutos do mar.

Louisiane Brewhouse em Nha Trang, Vietnã (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Louisiane Brewhouse em Nha Trang, Vietnã (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Agências locais oferecem diversas modalidades de passeios de barco pelo litoral. Dizem que vale muito a pena, assim como a prática de mergulho ou snorkel, mas infelizmente não tive tempo. Nos fins de tarde, o calçadão de Nha Trang é tomado por famílias. Não estranhe o fato de que os vietnamitas costumam fazer picnic em todos os lugares.

 

VIDA NOTURNA

Quando a noite cai, as ruas Tran Quang Khai e Nguyen Thien Thuat, próximas da orla, são destino de quem procura os bares mais badalados e bons restaurantes.

Nha Trang, Vietnã (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Nha Trang, Vietnã (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Eu virei fã de um chamado Oasis. Atendimento perfeito, cerveja barata e pratos deliciosos.

Ostra em Nha Trang, Vietnã (Foto: Esse Mundo É Nosso)Lula e fritas em Nha Trang, Vietnã (Foto: Esse Mundo É Nosso)

 

 

 

 

 

 

Para aproveitar melhor, procure hospedar-se na redondeza. Essa região também é ótima para compras de souvenirs e outros produtos.

 

DICAS DE NHA TRANG

QUANDO IR
A cidade tem um microclima bem peculiar, com chuvas entre outubro e dezembro. Portanto evite essa época. Na temporada (maio, junho e julho), o balneário é mais agitado e os preços um pouco mais altos.

 

COMO CHEGAR

Avião

Aeroporto de Nha Trang, Vietnã (Foto: Esse Mundo É Nosso)

O aeroporto de Nha Trang foi fechado recentemente para voos comerciais. A cidade agora é atendida pelo Aeroporto de Cam Ranh, a 28Km de cidade. Vietnam Airlines, Jetstar e Vietjet voam para HanóiHo Chi Minh City (Saigon). Há voos internacionais durante a temporada, principalmente para a Rússia. Um táxi até o centro sai por menos de US$20. Eu utilizei uma van da Vietnam Airlines, que leva mesmo aqueles passageiros que não tenham voado pela companhia até o antigo aeroporto, também no centro, por VND 60.000 (menos de US$3).

Ônibus

A melhor maneira de turistas circularem de ônibus pelo Vietnã é por meio dos open tour bus, ônibus particulares operados diariamente por agências de viagens por todo o país. São mais rápidos e muito confortáveis, inclusive com as curiosas bicamas. Uma das agências mais famosas é a The Sinh Tourist, que utilizei no meu tour por Halong Bay. Fique atento às distâncias. Podemos achar que o país é pequeno, mas não é. De Hanói até Nha Trang, por exemplo, a viagem pode durar mais de 20h (1400Km). Até Ho Chi Minh City, umas 9h (450Km).

Trem

O Vietnã tem uma boa malha ferroviária que corta o país de norte a sul, ligando a capital Hanói a Ho Chi Mihn City. O trajeto é longo, mas existem trens confortáveis. Confira horários, preços e trajetos no site da Vietnam Railways System.

 

ONDE FICAR?

A melhor área para se hospedar é próximo da região com vida noturna,  perto das ruas Tran Quang Khai e Nguyen Thien Thuat e da orla.

+ Consulte preços e reserve hotéis em Nha Trang

+ Confira outras dicas e relatos do Vietnã

Sobre o Autor
Rafael Carvalho
Mineiro fã de frango com quiabo e de uma boa cerveja, mora atualmente em São Paulo. É formado em Rádio e TV, pós-graduado em Jornalismo e trabalha há mais de 12 anos com Conteúdo Digital. Já passou por empresas como SBT e Jovem Pan FM. Apaixonado por viagens, fundou o Esse Mundo É Nosso e roda o Brasil e o mundo o ano todo sempre em busca de dicas para serem compartilhadas.
0 resposta
  1. Oi Rafael!!! Estou aqui agoraaaaa neste momento vim com sua indicação é o lugar éé mesmo maravilhoso!!! Pena que agora eles cobram tuuuuuso até pra pisar na areia (quase)! Mas aproveitamos mesmo assim!!!

  2. Oi Rafael, cheguei aqui pelo VnV. Adorei seu post, não sei se fico triste ou feliz com ele,pois já fui ao Vietna e deixei esse lugar de fora :(. Parabens pelo blog!

    1. Olá, obrigado pela visita. E que legal que você foi ao Vietnã, é um país incrível, né? Muita gente tentou me convencer a não ir a Nha Trang, por ser um balneário muito turístico, etc. Qual o problema nisso? Ainda bem que fui e adorei. Um dos meus lugares preferidos de todas as viagens que já fiz.
      Abraços

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Melhor preço para Seguro Viagem

Sobre Nós
Rafael Carvalho

Somos Adolfo Nomelini e Rafael Carvalho, dois jornalistas que trabalham com conteúdo digital há mais de 10 anos. Aqui você encontra nossas dicas de viagens pelo Brasil e o mundo.