Como é a imigração na Turquia: Dicas e documentos pra viajar

Antes de desembarcar em Istambul ou qualquer outro aeroporto ou porto do país, inclusive pra quem chega por via terrestre, é sempre bom saber como é a imigração na Turquia, os documentos exigidos, se há necessidade de visto, entre outras informações.

Quem voa direto do Brasil pela Turkish Airlines fará a imigração em Istambul se for ficar no país. Mesmo quem vem de outros lugares da Europa, passará pela imigração no ponto de desembarque na Turquia. Nesse post, contamos os detalhes pra você passar com tranquilidade.

A IMIGRAÇÃO NA TURQUIA

Como disse acima, se você vem da Europa ou de outro país, inclusive nos voos diretos do Brasil para Istambul, deverá fazer a imigração na Turquia se não estiver apenas numa conexão. Seja no novo aeroporto da principal cidade turca, que deve se tornar um dos maiores do mundo nos próximos cinco anos, ou em aeroportos ou portos de outras cidades, vale ficar atento(a) à documentação exigida, como falamos nesse post.

Aya Sofia em Istambul: Como é a imigração na Turquia
Istambul

| PRECISA DE VISTO OU VACINAS?

Não, brasileiros não precisam de visto para visitar a Turquia por até 90 dias a turismo. Mas o Itamaraty recomenda que você tenha um passaporte válido por pelo menos mais seis meses a partir da data em que deixará o país.

Também não é exigida nenhuma vacina ou outro documento de saúde de brasileiros.

| SEGURO VIAGEM É OBRIGATÓRIO?

A contratação de um seguro viagem não é obrigatório como na Europa e ele não costuma ser solicitado na imigração na Turquia. Mas vale ficar atento(a)! Não há sistema público de saúde para turistas e então é bom preparar o bolso caso você não tenha um seguro. Como conta a Cristhiane Mutlu, que vive no país, os valores são altos e um simples atendimento não costuma sair por menos de R$ 350.

Ou seja, o seguro é bemmmm mais barato que isso e garante ainda sua tranquilidade em casos de extravio de malas e outros imprevistos, como atraso e cancelamento de voo. Eu não recomendo que ninguém viaje pra outro país sem seguro, afinal eu já quebrei a coluna no Chile, fui resgatado de helicóptero e fiquei internado. Já pensou quando isso teria me custado?

Capadócia: Como é a imigração na Turquia
Capadócia

Para você ter uma ideia de como não é caro e vale a pena, sugerimos que você faça a cotação no site da Seguros Promo, que é um buscador que encontra os melhores preços entre as principais seguradoras do Brasil. Você também pode simular abaixo na caixa de pesquisa, basta colocar Europa ou Ásia como destino, já que esses seguros têm cobertura internacional.

Como são nossos parceiros, você pode usar o cupom ESSEMUNDOENOSSO5 para ganhar descontos, que ficam ainda maiores se optar pelo boleto. Independente dessa indicação, depois da minha experiência, eu não viajaria sem seguro pra nenhum destino.

| QUE DOCUMENTOS DEVO LEVAR ENTÃO?

Você deve estar se perguntando que documentos então você deve levar pra passar com tranquilidade pela imigração, certo? Vamos então fazer uma listinha pra facilitar.

  • Passaporte com no mínimo 6 meses de validade;
  • Passagem de volta ou de saída da Turquia dentro de 90 dias;
  • Reservas de hotéis ou carta convite;
  • Seguro viagem, embora não seja obrigatório, é muito recomendável;
  • Comprovantes de que você possa pagar os custos enquanto estiver no país (diferente dos países da Europa, o Governo turco não estipula um mínimo por dia, mas é sempre bom você pode comprovar os custos diários seja com dinheiro vivo, mesmo que em euros ou dólares, além de um cartão de crédito ou débito internacional).

+ Veja hotéis em Istambul com descontos

MINHA EXPERIÊNCIA NA IMIGRAÇÃO NA TURQUIA

Meu desembarque foi em Istambul, num voo vindo do Brasil que teve conexão em Roma. A passagem pela imigração foi bem tranquila. Apenas apresentei meu passaporte, o agente me questionou sobre quanto tempo eu ficaria no país e pronto: já tinha sido admitido para entrar na Turquia.

Mas isso vai de agente pra agente, então é bom levar em conta as considerações e documentos que citamos nesse post.

SABIA QUE O SEGURO É OBRIGATÓRIO NA EUROPA?

Vai combinar a viagem à Turquia com a Europa? Brasileiros são obrigados a ter um seguro viagem na maioria dos países europeus. Além de poder ser pedido na imigração, com ele você viaja tranquilo(a) em caso de imprevistos.

Faça a cotação sem compromisso e use o cupom ESSEMUNDOENOSSO5 para ter descontos, que podem ser maiores se você pagar no boleto.

É SEGURO VIAJAR PRA TURQUIA?

Eu não me senti inseguro no país nenhum dia, pelo contrário, foi uma das melhores viagens que já fiz. Para mulheres, é melhor estar acompanhada, pois o assédio pode incomodar. O importante é que, por conta das turbulências políticas dos últimos anos, o Itamaraty recomenda “Grau Moderado de Cautela”, que é o segundo na escala, ou seja, não há aviso de que é um país perigoso.

Ruas de Istambul, Turquia
Ruas de Istambul, Turquia

Deve-se evitar participar de movimentos políticos ter atenção em com grande concentração de pessoas. Embora tenha sido assinado um cessar-fogo entre o Governo turco e grupos do Curdistão, brasileiros devem estar atentos à possíveis casos de violência, já que essa é uma região passível de atentados terroristas.

Por fim, deve-se evitar a região que faz fronteira com a Síria, país que está em guerra civil. Para saber mais sobre outras advertências, consulte o site do Itamaraty.

+ Veja hotéis no país com descontos
+ 30 coisas pra saber antes de ir pra lá
+ Todas as dicas pra curtir o país

Tem mais alguma dúvida sobre a imigração na Turquia? Deixe seu comentário que faremos o possível para ajudar!

*Com informações do Itamaraty e Ministry of Foreign Affairs

TALVEZ VOCÊ TAMBÉM GOSTE

Rafael Carvalho

Mineiro fã de frango com quiabo e de uma boa cerveja, mora atualmente em São Paulo. É formado em Rádio e TV, pós-graduado em Jornalismo e trabalha há mais de 12 anos com Conteúdo Digital. Já passou por empresas como SBT e Jovem Pan FM. Apaixonado por viagens, fundou o Esse Mundo É Nosso e roda o Brasil e o mundo o ano todo sempre em busca de dicas para serem compartilhadas.

3 Comments

  1. REGINA APARECIDA DOS SANTOS disse:

    JÁ fui para a TURQUIA,3 vezes e foi tudo tranquilo!Na imigração não me pediram nada! Carimbaram meu PASSAPORT,e mais nada!Nas 2 vezes que fui, não fiz seguro viagem!SÓ a última viagem em DEZEMBRO de 2018, é que resolvi fazer um, e nem precisei!!E lá também não pediram!Em JULHO, de 2020, voltarei, mas farei o SEGURO, pois é melhor viajar com segurança!!

  2. andrea disse:

    boa tarde! o agente da imigração falou contigo em qual idioma? inglês ou turco? e qual a média de gasto por dia(em euro), entre passeios, almoço/jantar, visitas a locais pagos?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *