O que é stopover e como usá-lo a seu favor numa viagem

Quando comecei a andar de avião, mal sabia o que era check-in, escala ou conexão. E as palavras complicadas não paravam por aí, ainda encarei os voos em codeshare, upgrade de categoria, milhas, entre outras. Acontece que por trás dessas denominações que parecem bicho de sete cabeças podem estar possibilidades que melhorarão a sua viagem. Uma delas é o stopover, também conhecida como conexão com pernoite.

O QUE É UM STOPOVER?

Na mais curta das definições, stopover é uma parada entre um segmento e outro de uma viagem. Isso na realidade quer dizer que se seu voo que sai da cidade “Y” com destino a uma cidade “X” e passa (ou faz conexão) por uma cidade “Z”, você pode optar por fazer um parada neste local “Z”, sem necessariamente ser apenas aquela troca de avião ou a escala previamente agendada pela companhia aérea. Vamos à prática:

O que é um stopover - Aeroporto de Roma (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Se seu voo sai de São Paulo com destino a Bangkok via Qatar, por exemplo, você pode optar por fazer uma parada no Qatar por um determinado tempo, que varia de acordo  com a companhia. Normalmente essa escolha é gratuita e vale a pena consultar a empresa para saber quais são suas regras.

O modo mais fácil de selecionar um stopover é no próprio site da companhia aérea, através da opção “múltiplos destinos, várias cidades, etc”. Você escolhe a origem, o local onde será feito a parada, e o destino final. Para certificar-se de que você não irá pagar a mais por isso, vale comparar o quanto ficaria o trecho completo, sem stopover, e o trecho segmentado, com a parada.

Parece complicado à primeira vista, mas não é. No meu caso consegui um stopover de 24h em Dubai num voo da Emirates entre a África do Sul e a Tailândia por exatamente o mesmo preço que pagaria se tivesse comprado o trecho com apenas a troca de avião nos Emirados Árabes Unidos. Vale lembrar que em alguns casos sua mala despachada segue para o destino final, então é bom verificar isso antes e levar uma troca de roupa numa bagagem de mão.

O que é stopover - Dubai (Foto: Esse Mundo É Nosso)

E não precisa ir tão longe! Diversos voos partem do Brasil com destino aos EUA ou Europa e que fazem conexões, onde é possível investir em um stopover. Basta se programar e aproveitar um destino a mais na viagem!

E você, já fez um stopover? Conta pra gente!

+ Veja mais dicas de Dubai

 

TALVEZ VOCÊ TAMBÉM GOSTE

Rafael Carvalho

Mineiro fã de frango com quiabo e de uma boa cerveja, mora atualmente em São Paulo. É formado em Rádio e TV, pós-graduado em Jornalismo e trabalha há mais de 12 anos com Conteúdo Digital. Já passou por empresas como SBT e Jovem Pan FM. Apaixonado por viagens, fundou o Esse Mundo É Nosso e roda o Brasil e o mundo o ano todo sempre em busca de dicas para serem compartilhadas.

26 Comments

  1. Zolira disse:

    Boa tarde. Antes de mais nada parabéns pelas dicas Rafael. Eu preciso saber sobre o que acontece com as malas, no caso de fazer um stopover longo (em torno de 20 dias). Alguém já teve esta experiência para me ajudar a decidir? No meu caso vou de Londres a Havana, permaneço lá e depois sigo para São Paulo. Onde vão parar minhas malas despachadas neste caso? Muuito grata.

    • Oi Zolira, tudo bem?
      Só uma dúvida. Sua passagem tem destino final em SP com conexão em Havana, seria isso? Depende muito de como você comprou, porque o stopover acontece no destino no meio do caminho, onde há a conexão.

      Abraços

      • Zolira disse:

        Oi Rafael! Que rápida tua resposta, muito grata. O que acontece é que moro na Inglaterra e vou à Havana por 20 dias, mas depois disso tenho que ir para o Brasil. Gostaria de fazer isso tudo em uma viagem só: Londres – Havana, Havana – São Paulo. Minha dúvida é: tenho que retirar minha bagagem despachada em Havana e depois dos meus 20 dias de sol e mar…rsrs.. despacha-las novamente para SP? Sabe se é assim que funciona e se vale para todas as empresas? Muitíssimo grata!

        • Oi Zolira, entendi. Então, tudo vai depender da companhia aérea, se ela irá permitir que você compre uma passagem direto de Londres pra SP, mas que tenha conexão em Havana. Creio que não, pois os voos entre Havana e SP não são operados pela mesma companhia que faz Londres – Havana. Ou seja, você terá que comprar os trechos separados. De toda forma, é a companhia que irá te dizer isso.

          Mas pra você ter uma ideia, recentemente fui pra Tailândia, num voo saindo de SP com conexão longa em Dubai. Quando despachei a bagagem aqui em SP a companhia me perguntou se eu gostaria de retirá-la em Dubai ou se poderia seguir pro destino final.

          Abraços e boa viagem

  2. Patricia Viseu disse:

    Oi, Estou indo para a Grécia e vou fazer um stopover em Dubai pela Emirates.Depois com to como foi.
    Abraço.

  3. REGIS disse:

    Tudo bem Rafael. Valeu pelas dicas. Quero ir pro Hawaii, fazendo um stopover em Los Angeles. Sei que a American Airlines tem gratuito, porém os valores da passagens estão muito altos. Há outras Companhias aéreas que posso verificar? Caso seja cobrado, qual seria o valor médio?

  4. Charles R. C. Silva disse:

    Queria fazer um stopover no Canada com destino a Europa. Parece que se pode permanecer até 48 horas no Canada sem necessidade de visto. Não estou conseguindo achar informação nem pelo site da Air Canada. Alguém sabe se existe esta possibilidade.

  5. Anselmo disse:

    Rafael, nota 10 pelas dicas

  6. Anselmo disse:

    Olá viajantes! Em stopover também tem hotel grátis? Estamos pensando fazer stop em pekin para tório. Obrigado

    • Oi Anselmo, tudo bem? Muito obrigado!
      O hotel grátis normalmente acontece se você for "obrigado" a fazer o stopover e ele tiver uma grande duração. Mas o tempo mínimo varia de companhia pra companhia. Vale você consultar a sua.
      Abraços

  7. Jeann disse:

    Olá Rafael,excelente blog.Obrigado pelas dicas.
    Estou organizando uma viagem pra Europa(França)pra Set. e quem sabe consiga um stopover em N.Y?
    O problema é que pra isso irei precisar do visto pros EUA né?
    Mais uma vez,obrigado pelas informações tão úteis!Abração.

  8. Mari disse:

    Olá Rafael!
    Saberia dizer se é possível fazer stopover na ida e também na volta do destino final?
    Brigada

  9. Érika MEL disse:

    Vou fazer STOPOVER em New York!
    Escolhi a conexão mais demorada de propósito…
    Vou sair de São Paulo com destino a Londres pela Cia UNITED.
    Vai dar pra ficar 20 horas em NY!!!!
    =)

    • Olá, Érika, obrigado pela visita e comentário!
      É uma ótima oportunidade de conhecer mais um local durante uma viagem, sem contar que 20h é um ótimo tempo, né?
      Abraços

      • Juliana disse:

        Nas duas últimas vezes que voltei da Europa pela TAP fizemos stopover em Lisboa. Eu já conhecia, mas minha filha de 5 anos não. Na primeira vez ficamos só meio dia, mas como o hotel reservado pela companhia aérea era em frente ao Parque das Nações, foi perfeito para levá-la ao Oceanário e andar no teleférico. Na segunda vez, ficamos um dia inteiro em Lisboa. Deu tempo para pegarmos um open top bus, passearmos pelo Castelo de São Jorge e redondezas, circularmos pelo centro, passearmos de bondinho elétrico…Foi maravilhoso!

  10. silviamedina disse:

    Mto bom seu blog, parabéns! Também tenho um e escrevi recentemente sobre um stopover mto legal na Malasia. Tbém ja fiz um de dois dias na Africa do sul, qdo estava a caminho da Austrália, onde moro hoje.

  11. Neide disse:

    Quando fui ao Brasil de Air China fiz stopover em Madri, foram 22 dias entre a Espanha, Portugal e Marrocos. Tive que pagar. E Na volta Brasil/Japao fiz stopover em Pequim, e o melhor gratuito. Sem duvida que vale a pena, mesmo
    desembolsando um pouco.

  12. maria veras disse:

    Muito legal sua reportagem, compartilhei, é muito coisa para aprender não é? bjs

  13. Eu já fiz!!! Stopover é uma das coisas que me deixa feliz!! Conheci 4 cidades fazendo stopover, Cingapura, Kuala Lumpur, Dubai e Madrid. Abraço!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *