O que fazer em Split, na Croácia: Dicas e atrações na cidade

Segunda maior cidade da Croácia, Split é o principal centro da região da Dalmácia e um verdadeiro museu a céu aberto na costa do Mar Adriático, cercado por enormes montanhas. Justamente por seu tamanho, a primeira dica é concentrar sua hospedagem no Centro Histórico. É ali que estão as principais atrações e atividades.

Embora seja um badalado destino turístico no verão, por ser uma grande cidade, tem “vida” praticamente o ano todo. O que fazer em Split? A cidade respira história e tem praias, bons restaurantes e bares, além de ser ponto de partida dos ferries para muitas ilhas famosas, como Hvar e Brač, onde fica a famosa praia Zlatni Rat.

O que fazer em Split, Croácia (Foto: Esse Mundo É Nosso)

O que fazer em Split, Croácia (Foto: Esse Mundo É Nosso)

O QUE FAZER EM SPLIT

PALÁCIO DE DIOCLECIANO
Quando li “palácio” na primeira vez que planejei ir a Split, pensava que era um museu ou algo assim. Mas não, ele não é um prédio. Na realidade dentro de suas muralhas ficam muitas vielas de pedras com restaurantes, bares, lojinhas, hotéis e apartamentos. E é no Palácio de Diocleciano onde está o grande burburinho de Split.

VAI PARA A CROÁCIA? VIAJE TRANQUILO!
Encontre o melhor preço do mercado no Seguro Viagem pra Europa

 

O que fazer em Split, Croácia - Palácio de Diocleciano (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Ruas do Palácio de Diocleciano

O que fazer em Split, Croácia - Palácio de Diocleciano (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Palácio de Diocleciano

Construído por ordem do imperador romano Diocleciano entre 293 e 305, é Patrimônio da Humanidade pela UNESCO. No Século VII, quando os vizinhos de Salona abandonaram a colônia, vieram construir suas casas dentro dos muros do palácio, na época já abandonado. E foi em volta dele que Split cresceu.

O que fazer em Split, Croácia - Palácio de Diocleciano (Foto: Esse Mundo É Nosso)

O que fazer em Split, Croácia - Palácio de Diocleciano (Foto: Esse Mundo É Nosso)

É no Palácio de Diocleciano também que ficam importantes atrações, como a Catedral de São Dômnio (Katedrala Svetog Duje) e o Museu da Cidade (Muzej Grada Splita).

O que fazer em Split, Croácia - Palácio de Diocleciano (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Catedral de São Dômnio dentro do Palácio de Diocleciano

 

RIVA DE SPLIT
“Riva” é como são chamados os calçadões à beira-mar. A de Split tomou essa forma ainda no tempo da ocupação napoleônica. Hoje é um dos espaços públicos mais conhecidos, bem ao lado do Palácio. Bares e restaurantes se enfileiram de frente pro mar com suas mesas ao ar livre, enquanto uma multidão de pedestres caminham pra lá e pra cá. É uma delícia.

O que fazer em Split, Croácia - Riva (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Riva de Split

Split, Croácia (Foto: Esse Mundo É Nosso)

PRAIAS
Essa foi uma das únicas coisas que me decepcionaram um pouco por aqui. As praias urbanas até têm uma cor bonita, mas são praticamente “construídas”, falta natureza. Já publiquei um post sobre as principais, vale conferir pra entender o que esperar delas.

Praias de Split, Croácia - Bačvice (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Espelho d’água em Bačvice

 

MARJAN
Essa colina símbolo de Split tem trilhas, capelas de pedra e mirantes. Para chegar, dá pra ir por algumas ruas residenciais a partir do Palácio de Diocleciano ou por uma escadaria, pra quem vem da orla. Não é muito difícil.

O que fazer em Split, Croácia - Marjan (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Capela em Marjan

Chegando ali, não deixe de fazer uma parada no Cafe Bar Vidilica, que tem vista panorâmica de quase toda a cidade. O local é mais procurado durante o pôr do sol.

 

O que fazer em Split, Croácia - Marjan (Foto: Esse Mundo É Nosso)

O que fazer em Split, Croácia - Marjan (Foto: Esse Mundo É Nosso)

 

ONDE FICAR
Em Split, assim como no resto do país, você encontrará muito mais apartamentos particulares para alugar (mesmo que por uma noite) que hotéis, que são normalmente muito caros. Escolhemos ficar no Fabio Residence e adoramos. Embora à primeira vista as vielas por onde tem que se passar a pé partir do Centro Histórico pareçam um pouco estranhas, quando nos acostumamos gostamos muito. Sentimos como se tivéssemos uma casa na cidade. Se chegar de carro, aí é mais tranquilo, pois o caminho é dando a volta em torno do centro.

Onde ficar em Split, Croácia (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Um dos quartos do Fabio Residence

Os proprietários foram super amistosos, fizeram questão de nos ajudar com tudo e nos indicar boas atrações. Além disso, o apartamento tinha micro-ondas, frigobar e outros acessórios, o que permitiu que tomássemos café da manhã ali mesmo, por exemplo, na mesinha charmosa à nossa porta. Mas no geral, o importante é ficar perto do Palácio.

Onde ficar em Split, Croácia (Foto: Esse Mundo É Nosso)

+ Consulte o valor das diárias e reserve com cancelamento grátis
+ Veja mais opções de hotéis e apartamentos em Split

 

ONDE COMER E BEBER
Os donos do apartamento em que nos hospedamos insistiram muito para que provássemos o “prato de Split”. Diziam que era a comida mais típico da cidade. Seguimos então a sugestão e fomos ao Buffet Fife, um dos vários restaurantes que servem a patiscada (uma carne muito macia, desfiando, servida com nhoque e queijo parmesão). Gostamos bastante. O bacana desse lugar é que os pratos são bem em conta e ele fica praticamente na Riva (Endereço:  Trumbićeva obala 11).

Onde comer em Split, Croácia - Palácio de Diocleciano (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Onde comer em Split, Croácia - Palácio de Diocleciano (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Patiscada

Outra coisa muito famosa por aqui, mas também em outras cidades da Croácia, são as lojas de doces. Mas são aqueles doces estilo balas de gelatina ou de goma, vendidas por peso. Elas fazem o maior sucesso em lojinhas pela cidade toda.

Onde comer em Split, Croácia - Palácio de Diocleciano (Foto: Esse Mundo É Nosso)

O principal endereço dos bares e restaurantes é a Riva, o calçadão na orla com mesas ao ar livre. Mas pela localização, os preços por aqui são mais altos. Se quiser economizar, mas encontrar estabelecimentos de qualidade, procure a Trg Republike (Praça da República). São muitos os bares com preços mais em conta, mesmo que coladinho na Riva.

Onde comer em Split, Croácia (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Trg Republike

Se você gosta de comida de rua ou de lanches rápidos, pertinho da Trg Republike fica a Rua Marmontova (Marmontova ulica) repleta de lanchonetes que vendem delícias por preços bem baixos. Entre elas está o famoso calzone recheadíssimo.

Onde comer em Split, Croácia (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Calzone croata

Por fim, já que falamos de tantas coisas calóricas acima, o Mercado Verde (Pazar) é uma feira a céu aberto localizada em uma das entradas do Palácio de Diocleciano que vende frutas, verduras, flores e artesanato. Vale a pena! (Endereço: Ul. Stari pazar 8). Há também um pequeno Mercado de Peixes dentro do Palácio, mas achei bem simples.

Onde comer em Split, Croácia (Foto: Esse Mundo É Nosso)

 

COMO CHEGAR
Por ser a segunda maior cidade do país, Split está super bem servida de todos os meios de transporte. É possível chegar de avião, de ônibus, ferry e até mesmo trem de diversas cidades do país e destinos internacionais (saiba mais).

+ O que esperar das praias de Split
+ Um bate-volta até a paradisíaca Zlatni Rat a partir de Split
+ Conheça Hvar, a apenas uma hora de barco da cidade
+ Todas as dicas pra você curtir o melhor da Croácia

 

 

TALVEZ VOCÊ TAMBÉM GOSTE

Rafael Carvalho

Mineiro fã de frango com quiabo e de uma boa cerveja, mora atualmente em São Paulo. É formado em Rádio e TV, pós-graduado em Jornalismo e trabalha há mais de 12 anos com Conteúdo Digital. Já passou por empresas como SBT e Jovem Pan FM. Apaixonado por viagens, fundou o Esse Mundo É Nosso e roda o Brasil e o mundo o ano todo sempre em busca de dicas para serem compartilhadas.

9 Comments

  1. Michelle Lopes disse:

    Sabe me dizer qual cidade da Croácia tem campo de girassol???

  2. Rafael Bianchi disse:

    Ola !! Vou passar 9 dias em um roteiro programado na Croacia iniciando por Zagreb e Zadar , logo apôs Split e Dubrovnick , infelizmente o roteiro não inclui Hvar ( que parece ser o melhor local para baladas e vida noturna ) . Gostaria de saber em qual destas cidades que visitarei encontro baladas e vida noturna mais próximo as que existem em Hvar ? Obrigado

  3. Mauricio disse:

    Irei em outubro/16 a split como estou em um cruzeiro ficarei apenas das 9 as 13 hs o que posso fazer neste tempo, abs obrigado

  4. TripEconomy disse:

    A Croácia é um destino maravilhoso! Very nice!

  5. Camila disse:

    A fotos são maravilhosas!! Parabéns! Sigo vocês ;D

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *