Paraglider em Ölüdeniz e a Blue Lagoon: Guia para você perder o fôlego

Assim como Bodrum e Marmaris, Ölüdeniz é um balneário super badalado da Turquia. A pequena vila de pouco mais de 4 mil habitantes, localizada próxima da cidade de Fethiye, é repleta de luxuosas casas de veraneio e resorts às margens do Mar Mediterrâneo. A tamanha procura é de fácil explicação: a incrível Blue Lagoon e os voos de paraglider, entre outras atrações.

O QUE É QUE ÖLÜDENIZ TEM

A vila de Ölüdeniz fica poucos quilômetros afastada da praia de mesmo nome. Próximo do mar, por onde se chega por uma estrada asfaltada que desce uma serra, surgiu outra pequena vila, que recebe o apelido de “Ölüdeniz Beach”. É ali que fica a principal atração, a Blue Lagoon, com águas calmas e cristalinas, que mudam do tom azul turquesa ao verde esmeralda num piscar de olhos. A praia, que é chamada de lagoa, fica dentro de uma área protegida, o parque nacional Ölüdeniz Tabiat Parkı, aberto das 8h às 20h.

Blue Lagoon - Ölüdeniz, Turquia (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Blue Lagoon - Ölüdeniz, Turquia (Foto: Esse Mundo É Nosso)

É preciso pagar uma pequena tarifa para acessar o parque (TL4,5 – US$2,50), o que vale a pena não só pela praia, mas também pela estrutura do lugar. Existem banheiros, vestiários, cadeiras de praia e barracas com alimentação.

Blue Lagoon - Ölüdeniz, Turquia (Foto: Esse Mundo É Nosso)Blue Lagoon - Ölüdeniz, Turquia (Foto: Esse Mundo É Nosso)

 

 

 

 

 

 

Mas quem vai à Blue Lagoon procura mesmo é relaxar nesse incrível lugar, cercado por montanhas. As águas tranquilas são um convite para esportes aquáticos, como o caiaque, disponível para ser alugado no local. Outros preferem se esticar nas espreguiçadeiras ou à beira da lagoa e curtir o visual.

Blue Lagoon - Ölüdeniz, Turquia (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Blue Lagoon - Ölüdeniz, Turquia (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Com um lugar de babar como esse, nada melhor que ver Ölüdeniz por outro ângulo. É por isso que o voo de paraglider virou sinônimo da cidade, como um dos melhores centros de paragliding do mundo. A atividade é tão popular que é difícil tirar uma foto que mostre o céu sem que lá esteja alguém voando.

Paraglider em Ölüdeniz, Turquia (Foto: Esse Mundo É Nosso)

As agências especializadas estão por toda a parte, do lado de fora do parque, no centrinho da vila. Eu nunca havia voado num desses antes, mas não tinha como perder a chance. Os preços variam entre TL100 e TL160 (US$56 e US$90). O passeio inclui, além de instrutor para o voo duplo, equipamentos e o transporte até o topo da montanha Babadağ, de 1960 metros. Fique atento à oferta de fotos e vídeos. Normalmente eles não estão inclusos no pacote e você poderá pagar até o dobro do valor do voo para levar a recordação para casa.

Paraglider em Ölüdeniz, Turquia (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Paraglider em Ölüdeniz, Turquia (Foto: Esse Mundo É Nosso)

A subida até o alto da Babadağ leva cerca de uma hora. Mas não pense que é cansativo. Os rodopios do carro até chegar ao topo pela estradinha e o frio na barriga com a ansiedade pelo voo dão ainda mais emoção.

Lá no alto, a quase 2 mil metros acima do nível do mar, a vista já é fazer cair o queixo. Próximo da pista de decolagem, existe um pequeno bar, com boa estrutura de banheiros e alimentação. As mesinhas penduradas sobre o abismo do forçam uma parada nesse local.

Paraglider em Ölüdeniz, Turquia (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Depois de vestir os equipamentos, o medo e a tensão passam num segundo, assim que você salta sobre aquele incrível azul do Mediterrâneo.

Paraglider em Ölüdeniz, Turquia (Foto: Esse Mundo É Nosso)

A descida até a praia pode durar até 40 minutos (sem emoção) ou bem menos (com emoção), dependendo da sua coragem. Lá do alto é possível avistar o Butterfly Valley, uma famosa praia que é outra atração da região, e, nos dias mais claros, até mesmo Rhodes, na Grécia.

Mas antes de qualquer pouso, a passagem sobre a linda Blue Lagoon, de tirar o fôlego, é obrigatória. As fotos dos pés sobre ela parecem também ser tradição (é só dar um Google pra você perceber). Não perdi minha chance, claro!

Paraglider em Ölüdeniz, Turquia (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Paraglider em Ölüdeniz, Turquia (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Paraglider em Ölüdeniz, Turquia (Foto: Esse Mundo É Nosso)

O pouso perfeito sobre um pequeno tapete verde acontece no jardim da praia, em frente às principais agências de paragliding.

Paraglider em Ölüdeniz, Turquia (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Depois de tamanha emoção, aproveite para caminhar pelas ruas perpendiculares à praia, repletas de bares, restaurantes e lojinhas. Não demora muito para você perceber que os preços ali estão em sua maioria em Libras Esterlinas. Isso acontece porque Ölüdeniz parece ter virado um dos destinos preferidos dos ingleses, que compram e constroem casas por ali há mais de 20 anos, quando esse paraíso ainda era praticamente desconhecido.

Ölüdeniz, Turquia (Foto: Esse Mundo É Nosso)Talvez pela moeda ser outra ou por esse ser um balneário mais exclusivo, os preços são bem mais inflacionados que no restante da Turquia. Portanto, se a hospedagem no lugar fugir do seu orçamento, dá pra aproveitar bem Ölüdeniz em apenas um dia, num bate-volta a partir de Fethiye, onde os quartos de hotel saem bem mais em conta.

Ölüdeniz, Turquia (Foto: Esse Mundo É Nosso)Ölüdeniz, Turquia (Foto: Esse Mundo É Nosso)

 

 

 

 

 

 

Almoço em Ölüdeniz, Turquia (Foto: Esse Mundo É Nosso)

A praia da vila, essa sem cobrança de entrada, também é linda. Claro que não tem as águas turquesas da vizinha Blue Lagoon, mas elas também são cristalinas, com pedrinhas redondas no lugar da areia. O serviço de praia também é muito bom, com barracas pé na areia e espreguiçadeiras.

Praia em Ölüdeniz, Turquia (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Praia em Ölüdeniz, Turquia (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Praia em Ölüdeniz, Turquia (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Praia em Ölüdeniz, Turquia (Foto: Esse Mundo É Nosso)Praia em Ölüdeniz, Turquia (Foto: Esse Mundo É Nosso)

 

 

 

 

 

 

A oferta de passeios de barco também é grande por ali. Infelizmente não pude fazê-los, mas os mais procurados são para a Blue Cave, Butterfly Valley e St. Nicholas Island.

Outra coisa gostosa é que tudo em Ölüdeniz é acessível a pé. Seja a Blue Lagoon, as ruas dos restaurantes ou a praia. Um convite e tanto para curtir umas férias ali, não?

QUANDO IR

Julho e agosto, durante o verão, são os meses de alta temporada, então espere preços mais altos. Mas também são os mais quentes e com dias praticamente sem nuvem. Já maio, junho e setembro têm clima excelente, um pouco mais fresco que no alto verão. Por serem a meia-estação, o balneário está mais vazio e mais barato. Evite o Ramadã (data variável), época em que os muçulmanos praticam o jejum obrigatório.

COMO CHEGAR

Fethiye é a cidade de médio porte mais próxima, a pouco mais de 15Km. De lá partem constantemente vans coletivas para Ölüdeniz. Se seu interesse são essas atrações próximas da praia, que mostramos acima, não desça na vila, diga ao motorista que irá até a região da Blue Lagoon. O aeroporto mais perto é o de Dalaman, facilmente conectado a Fethiye por meio dos ônibus da Havaş (cerca de uma hora de viagem).

PARA APROVEITAR

Como contamos nesse post, as grandes e imperdíveis atrações de Ölüdeniz são a Blue Lagoon e o voo de paraglider sobre o Mar Mediterrâneo. Quando chegar ao local, procure já fazer essas duas atividades para não se frustrar numa possível mudança de tempo. Aproveite para circular pelas ruas próximas da praia e curtir um barzinho ou restaurante. Se ainda tiver tempo, os passeios de barco são uma ótima pedida.

+ Veja todas as nossas dicas e experiências na Turquia

 

TALVEZ VOCÊ TAMBÉM GOSTE

Rafael Carvalho

Mineiro fã de frango com quiabo e de uma boa cerveja, mora atualmente em São Paulo. É formado em Rádio e TV, pós-graduado em Jornalismo e trabalha há mais de 12 anos com Conteúdo Digital. Já passou por empresas como SBT e Jovem Pan FM. Apaixonado por viagens, fundou o Esse Mundo É Nosso e roda o Brasil e o mundo o ano todo sempre em busca de dicas para serem compartilhadas.

Leave your comment

  1. Aila disse:

    Olá Rafael! Tudo bem? Parabéns pela riqueza de detalhes nas dicas, estão me ajudando muito. Pretendo ir em agosto. Pode me informar como foi seu retorno de Ölüdeniz?

    • Oi Aila, tudo bem? De Öludeniz voltei para Fethiye e de lá fui para o aeroporto de Dalaman, de onde voei de volta para Istambul. Há transfers constantes entre Fethiye e Dalaman.
      Abraços e obrigado pela visita!

  2. João paulo disse:

    Rafael , tudo bem ?

    Estou planejando viagem para Italia éTurquia ,,
    gostando muito suas dicas é minha primeira viagem internacional ..
    tenho 20 anos é muito ansioso mais com muita coragem pude me dá dicas , uma segurança a mais para min ficarei grato .
    Uma Duvida qual é empresa de Bus que sair de istambul para Fethiye ? Qual é o valor ?
    o que achou da segurança de istambul?

    Agredeço desdo de já pela dicas . abraço

    • Oi João, tudo bem? Que legal que você vai, vai adorar!
      Achei Istambul super segura, inclusive andando sozinho à noite. Basta tomar cuidados básicos que nós brasileiros já estamos acostumados.
      Sobre a empresa de ônibus, são muitas que fazem o trajeto, tanto que você nem precisa comprar com antecedência. É chegar na rodoviária e embarcar.
      Abraços e ótima viagem! Volte pra contar como foi 😀

  3. Gisele disse:

    Caramba!! *-* Nunca viajei pra lugar nenhum, sempre tive vontade de viajar pelo mundo e depois de conhecer este site, me deu ainda mais vontade, ainda mais depois deste post.
    Me interessei pela Turquia depois que meu professor foi pra lá. Só que ele não foi a essa praia, mas passeou por vários lugares, e absolutamente tudo, TUDO, parecia perfeito!

  4. silvia disse:

    Olá tudo bem? Faço parte de uma consultora de viagens e gostaria de bater um papo com você, aguardo seu contato!

    Parabéns pelo trabalho desenvolvido;

    Silvia

  5. emre selim disse:

    Fethiye Oludeniz is one of the best place in the western coast of Turkiye! 🙂

  6. Lucila Runnacles (@mochilacult) disse:

    Ai, ai, ai, Rafaellll. Vc me deixou com uma vontade doida de voar de paraglider tmb!! Eu estive na Turquia em 2002, a longgggg time ago. Acho que já tá na hora de voltar 🙂 Vc encontrou muitos brasileiros lá agora que tem essa novela Salve Jorge? hehehe Abraços!

  7. Boia Paulista disse:

    Oi, Rafa. Tudo bem? 🙂

    Seu post foi selecionado para a #Viajosfera, do Viaje na Viagem.
    Dá uma olhada em http://www.viajenaviagem.com

    Até mais,
    Natalie – Boia

  8. AAAAAAAh que saudade de Oludeniz!!! Lugar sensacional e que merece uma volta né!
    Beijos Rafa!

  9. Amanda Cardoso disse:

    Que lindo! Sensacional, como diria o dono deste blog! rsrs Um dia ainda terei o privilégio de visitar a Turquia, só não garanto os esportes radicais.

    Beijos!

  10. Meu brother,

    Sua viagem para a Turquia foi bem loka. Fiquei só uma semana, mas senti mesmo que o país merece muito mais tempo.

    Valeu…abraços

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *