Apesar de ser uma pequena cidade, são mais de 20 as praias de Búzios  e nem todas próximas umas das outras. O balneário fluminense está localizado em uma península e cada cantinho tem uma identidade própria.

Muitos dizem que praticamente não é possível ir a Búzios sem carro, mas eu fui e, graças à hospedagem central, visitei quase todas as praias a pé mesmo. Quando a distância era muito grande, como no caso das praias de Ferradura e Geribá, utilizei táxi e as vans de transporte local.

Mapeamos as principais praias para você montar seu roteiro e escolher aquelas que são a sua cara.

 

PRAIAS DE BÚZIOS

 

 

ORLA DA BARDOT E PRAIA DA ARMAÇÃO
É a orla mais central de Búzios, na continuação da Rua das Pedras. Por ser local dos píers e praticamente sem faixa de areia, não é muito indicada ao banho. Vale pela vista e opções de bares, restaurantes e lojinhas, além, é claro, das famosas estátuas de Brigitte Bardot e dos Pescadores.

Praias de Búzios: Orla da Bardot e Armação (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Praias de Búzios: Orla da Bardot e Armação (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Praias de Búzios: Orla da Bardot e Armação (Foto: Esse Mundo É Nosso)

 

PRAIA DOS OSSOS
A partir de uma pequena caminhada da Praia da Armação, chega-se à pequenina Praia dos Ossos. De areias douradas e águas claras, têm também acesso para quem vem de carro, mas disputar as vagas com os moradores não é tarefa fácil. Há pousadas charmosas e restaurantes, além de ser um bom ponto para pegar um táxi aquático para outras praias, como Tartaruga, Azeda e João Fernandes (entre R$7 e R$10).

Praias de Búzios: Praia dos Ossos (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Praias de Búzios: Praia dos Ossos (Foto: Esse Mundo É Nosso)

 

PRAIAS AZEDA E AZEDINHA
Talvez por serem acessadas apenas a pé, a partir da Praia dos Ossos, ou de táxi aquático, ao chegar às duas praias você tem a impressão de que está em outra cidade, já que a badalação ficou pra trás. A pequena faixa de areia tem águas incrivelmente claras – e geladas. O espaço da Praia da Azeda é realmente pequeno, sorte que, por ser mais vazia, você consegue seu lugar ao sol.

Praias de Búzios: Praia da Azeda (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Praias de Búzios: Praia da Azeda (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Praias de Búzios: Praia da Azeda (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Há pequenas barraquinhas que vendem comidas e bebidas. Já na Azedinha você encontra uma espécie de piscina natural que é ótima para relaxar. São algumas das praias mais lindas de Búzios.

Praias de Búzios: Praia da Azedinha (Foto: Esse Mundo É Nosso)

 

PRAIA DE JOÃO FERNANDES
A facilidade de acesso de carro e a boa estrutura transformaram João Fernandes numa das praias mais procuradas, principalmente pelos argentinos. Os restaurantes à beira-mar e hotéis nas redondezas são muitos, assim como opções de esportes aquáticos. Difícil mesmo é encontrar vaga para estacionar. A vizinha João Fernandinho é acessada por uma estradinha, depois de uma subida significativa. Dá pra chegar de táxi aquático.

Praias de Búzios: Praia de João Fernandes (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Praias de Búzios: Praia de João Fernandes (Foto: Esse Mundo É Nosso)

 

GERIBÁ
Longe do centro, essa praia faz você esquecer que está em Búzios, famosa pelas pequenas enseadas e faixas de areia. Embora seja grande, achei que os serviços pecam. Quase não encontramos um local para comprar alimentos ou bebidas. O beach club Fishbone é bem badalado, lembra os bares de praia da Tailândia, inclusive à noite. Dá pra chegar de carro, táxi ou van a partir do centro, mas, nesse último caso, é preciso caminhar da avenida principal de Geribá até a orla (uns 10min).

Praias de Búzios: Praia de Geribá (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Praias de Búzios: Praia de Geribá (Foto: Esse Mundo É Nosso)

 

PRAIA DO FORNO
Embora escondidinha, fica no caminho da cidade para a Praia Brava e dá pra chegar de carro ou numa boa caminhada. As águas claras e calminhas são uma pedida pra um banho de mar (gelado!) ou prática de stand up. Um barzinho simples garante bebidas geladas à beira-mar.

Praias de Búzios: Praia do Forno (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Praias de Búzios: Praia do Forno (Foto: Esse Mundo É Nosso)

 

PRAIA BRAVA
Essa é uma das minhas preferidas, não pelo mar em si, mas pelo visual. Apesar de meio isolada, fui a pé. De carro é super fácil chegar. Com mar bem mais bravo, o que vale mesmo é curtir a vista no charmoso beach club Rocka Beach Lounge, “pendurado” sobre o mar. Ao lado fica o Silk, mais carinho ainda e muito bem frequentado.

Praias de Búzios: Praia Brava (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Praias de Búzios: Praia Brava (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Praias de Búzios: Praia Brava (Foto: Esse Mundo É Nosso)

 

FERRADURA
O formato da baía dá o nome da praia. É bem bonita, com casões de frente pro mar ou pendurados nas montanhas. Infelizmente a prefeitura demoliu os quiosques e o que restou foram pequenas barraquinhas. O acesso se dá de carro ou táxi a partir do centro (cerca de R$20). Não pudemos ir, mas perto dali fica o acesso a Ferradurinha. É preciso deixar o carro na Ferradura e ir caminhando até sua irmã mais nova por meio de uma trilha. Há placas de sinalização.

Praias de Búzios: Ferradura (Foto: Esse Mundo É Nosso)

 

TARTARUGA
Mais uma praia que ficou fora do nosso roteiro. Deixamos para ver o pôr-do-sol por lá, que dizem ser perfeito, mas descobrimos que ir de táxi seria complicado, pois poderíamos na conseguir encontrar um taxista para retornar. A melhor forma de ir é de aquatáxi a partir da Rua das Pedras. Pena que estávamos longe e não deu tempo de pegar esse tipo de transporte. Confira no Buziosblog.

+ Onde comer em Búzios: Dicas de restaurantes e bares

 

Sobre o Autor
Rafael Carvalho
Mineiro fã de frango com quiabo e de uma boa cerveja, mora atualmente em São Paulo. É formado em Rádio e TV, pós-graduado em Jornalismo e trabalha há mais de 12 anos com Conteúdo Digital. Já passou por empresas como SBT e Jovem Pan FM. Apaixonado por viagens, fundou o Esse Mundo É Nosso e roda o Brasil e o mundo o ano todo sempre em busca de dicas para serem compartilhadas.
7 respostas
  1. Olá, adorei seu post! Estou programando de ir para buzios sem carro tambem, poderia informar em qual hotel ficou hospedado?

    Obrigada.

  2. OLÁ! Gostaria de saber como foi esse trajeto, se você ficou hospedado no centro e cada dia ia em uma praia ou se, ia e se hospedava cada dia em um local próximo a praia visitada, como foi mais esmiuçado o seu trajeto pelas praias?

    1. Oi Alessandra, tudo bem? Obrigado pela visita. Foi tudo bem simples.

      Me hospedei no centro, perto da Rua das Pedras. Com exceção da Geribá, fiz todas as praias a pé (mas eu gosto de andar muito). De todo jeito, é uma rápida corrida de táxi. Há inclusive vans pra ir de uma pra outra.

      Abraços.

  3. Oi, Rafa! Adorei seu miniguia! Aqui pude matar um pouco as saudades deste lugar incrível que é Armação dos Búzios! Então… só a título de informação, até mesmo para seus leitores, fomos de traslado do Rio pra lá e ficamos os 9 dias percorrendo todas as praias a pé, e as Vans de lá funcionam 24 horas e foram nossas melhores amigas! rs Não custa nem 3 reais por pessoa e nos facilitou e muito! Elas só não adentram às praias, nos deixam na avenida principal, perto de cada praia, por isso que caminhamos mtooo, mas valeu a pena e deu pra conhecer tudo! A Tartaruga é linda, mas a faixa de areia é curta e fica lotada, água morna. Aliás, não achamos nessa época (dez/jan) água fria!!! João Fernandinho top. Azedinha a preferida, mas a porção de camarão mais cara que vimos, 80 reais. Aliás, tudo lá é caro né!? rs. Ficamos em Geribá e foi demais a virada lá! Acesso à Ferradura e Ferradurinha fácil, nem precisa de van. Beijão!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Reserve seu hotel aqui
Melhor preço para Seguro Viagem

Sobre Nós
Rafael Carvalho

Somos Adolfo Nomelini e Rafael Carvalho, dois jornalistas que trabalham com conteúdo digital há mais de 10 anos. Aqui você encontra nossas dicas de viagens pelo Brasil e o mundo.