Como é a imigração em Zurique, Na Suíça: Dicas e documentos

Quem sai do Brasil a bordo de um dos voos da Swiss e tem como destino final a Suíça ou boa parte da Europa, faz a imigração em Zurique. Ou seja, mesmo que seu voo seja para Roma ou Paris e você só faça uma conexão na capital suíça, sua imigração será aqui.

Isso acontece para passageiros que tenham como destino os países membros do Espaço Schengen, que é a área de livre fronteira europeia, como falaremos mais abaixo.

Mas como é a imigração em Zurique? Se por um lado brasileiros não precisam de visto, há uma série de documentos para passar sem problemas pelos agentes, entre eles o passaporte válido, passagens e o seguro viagem obrigatório.

COMO É A IMIGRAÇÃO EM ZURIQUE, NA SUÍÇA

Eu passei pela imigração em Zurique sem problemas e o processo no Flughafen Zürich foi bem tranquilo. Eu tinha como destino a própria Suíça, mas passageiros em conexão, desde que estejam com toda a documentação em mãos, também não devem enfrentar dificuldades. Ao entregar os documentos, apenas me perguntaram quantos dias eu ficaria e o motivo da viagem.

+ O que fazer numa conexão na cidade?

Como é a imigração em Zurique, Suíça
Aeroporto de Zurique, na Suíça

| PRECISA DE VISTO?

Brasileiros que visitam a Suíça e outros países do Espaço Schengen (veja quais abaixo) não precisam de visto para viagens a turismo. A permanência máxima é de 90 dias.

MEMBROS DO ESPAÇO SCHENGEN: Alemanha, Áustria, Bélgica, Dinamarca, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Estônia, Finlândia, França, Grécia, Hungria, Islândia, Itália, Letônia, Liechtenstein, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Noruega, Países Baixos (Holanda), Polônia, Portugal, República Tcheca, Suécia e Suíça.

Se você viaja pra qualquer país desses e saiu do Brasil voando Swiss pra capital suíça, você fará a imigração em Zurique. No voo seguinte, após a conexão, você não passará novamente pela imigração se for se deslocar dentro do Espaço Schengen.

| SEGURO OBRIGATÓRIO

Todos os países membros do Espaço Schengen exigem de brasileirs um seguro viagem obrigatório e que pode ser pedido na imigração. Esse seguro é vendido facilmente no Brasil e deve ter cobertura mínima de 30 mil euros.

Nós sugerimos que você faça a cotação no site da SegurosPromo, que é nossa parceira e é um buscador que encontra os melhores preços entre as mais importantes seguradoras do Brasil.

Além de não ser tão caro, ele garante a sua segurança em caso de imprevistos com problemas de saúde, atrasos de voos e até extravios de malas. Eu já quebrei a coluna no Chile e fui resgatado de helicóptero… já imaginou quanto isso teria custado se eu não tivesse seguro?

Você pode fazer a cotação online e escolher o seguro pra Europa que mais tem a ver com seu perfil. Todos já terão a exigida cobertura mínima de 30 mil euros. Se você usar o cupom ESSEMUNDOENOSSO5 ganha descontos, que podem ser maiores no pagamento por boleto bancário.

Foto do aeroporto - Como é a imigração em Zurique, Suíça

| DOCUMENTOS PARA IMIGRAÇÃO EM ZURIQUE

Se você chega à Europa por Zurique, o governo da Suíça faz uma série de recomendações sobre os documentos que podem ser exigidos na imigração. Para que o processo seja mais tranquilo, é bom você tê-los em mãos, impressos. Abaixo você confere a lista deles:

  • Passaporte com validade de no mínimo três meses (contando a data de saída do Espaço Schengen);
  • Seguro viagem obrigatório válido no Espaço Schengen (simule com descontos);
  • Passagem de volta (para fora do Espaço Schengen) já marcada;
  • Comprovante de hospedagem (reservas de hotéis ou de aluguel de casas e apartamentos; ou uma carta convite caso vá ficar na casa de um amigo legalizado);
  • Caso necessário, ser capaz de demonstrar o propósito da permanência na Suíça ou países de Schengen (como um itinerário de viagem);
  • Documentos que comprovem que você tem recursos financeiros para cobrir toda a duração da viagem (como dinheiro em espécie, cartões de créditos internacionais e suas faturas ou até mesmo extrato bancário). O governo suíço recomenda que você tenha pelo menos CHF 100 (cerca de €88) por dia. Estudantes com autorização de estudos no país devem comprovar, caso solicitados, a quantia de CHF 30 (cerca de €26) por dia.

Há ainda a observação de que o turista não pode ter sido expulso da Suíça e também não deve representar nenhum risco à ordem pública, à segurança interna, à saúde pública ou às relações internacionais de um país do Espaço de Schengen.

+ Melhor preço no seguro obrigatório pra Europa
+ Veja hotéis na cidade com descontos
+ O que fazer numa conexão longa na cidade
+ Todas as dicas pra curtir o melhor da Suíça

À primeira vista, pode parecer muita exigência. Mas essa documentação é bem simples de você se organizar e levá-la impressa para passar na imigração em Zurique com tranquilidade. Tem mais alguma dúvida? Deixe seu comentário! Lembrando que nós sempre falamos aqui de viagens a turismo.

*Com informações da Secretaria de Estado de Migração e Consulado Geral da Suíça no Brasil

TALVEZ VOCÊ TAMBÉM GOSTE

Rafael Carvalho

Mineiro fã de frango com quiabo e de uma boa cerveja, mora atualmente em São Paulo. É formado em Rádio e TV, pós-graduado em Jornalismo e trabalha há mais de 12 anos com Conteúdo Digital. Já passou por empresas como SBT e Jovem Pan FM. Apaixonado por viagens, fundou o Esse Mundo É Nosso e roda o Brasil e o mundo o ano todo sempre em busca de dicas para serem compartilhadas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *