Luang Prabang, o que ver e fazer na joia do Laos

Luang Prabang é o principal destino turístico do Laos, pequeno país escondido no Sudeste Asiático. Mas seu tamanho contrasta com a beleza e atrações. Localizada numa península formada pelos rios Mekong e Nam Khan, a cidade está a cerca de 425Km da capital Vientiane.

Declarada Patrimônio da Humanidade pela UNESCO, Luang Prabang reúne um casario colonial de estilo francês, templos budistas, comércio vibrante e restaurantes de alto padrão. As principais atrações estão no chamado Old Quarter, o Centro Histórico, ao longo da rua Th Sisavangvong.

 

LUANG PRABANG

Luang Prabang, Laos (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Qualquer tour básico começa pelo imponente Palácio Real, também conhecido como Haw Kham. Além de sua arquitetura lindíssima e do museu que guarda objetos da família real, o templo Phra Bang chama a atenção logo na entrada.

Luang Prabang, Laos (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Pertinho dali, não deixe de visitar Phou Si, um morro que guarda o templo That Chomsi e uma vista de 360 graus de toda Luang Prabang a mais de 100 metros acima da cidade. A subida dos mais de 300 degraus é um pouco puxada, principalmente por conta do calor e umidade, mas vale a pena. Se puder, vá no pôr-do-sol. A entrada custa 20 mil kip.

Luang Prabang, Laos (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Luang Prabang, Laos (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Luang Prabang, Laos (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Uma ótima maneira de conhecer vários templos é alugar uma bicicleta. Muitos hotéis já oferece esse “mimo” aos hóspedes. Dessa forma você pode percorrer sem compromisso as ruas da cidade e descobrir lugares lindos que estão fora dos guias.

Luang Prabang, Laos (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Luang Prabang, Laos (Foto: Esse Mundo É Nosso)

De volta à rua Th Sisavangvong, não deixe de assistir à incrível Ronda das Almas, quando os monges deixam diariamente os templos pela manhã em busca de doações (saiba tudo).

Ronda das Almas no Laos (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Nesta mesma rua acontece todas as noites o Night Market, com dezenas de bancas de artesanato e produtos locais. Impossível não se render aos preços baixíssimos.

Luang Prabang, Laos (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Por falar em preços baixos, comer em Luang Prabang faz parte do roteiro turístico. A culinária é riquíssima e você tem a chance de comer em ótimos restaurantes por valores bem justos. Para provar a cozinha local, fui ao Tamarind, charmoso restaurante às margens do rio Nam Khan. O lugar serve um interessante set menu para duas pessoas. Como estava sozinho acabei pedindo um prato que adoro no Laos, que traz arroz quentinho num cesto de palha. Você deve fazer bolinhas com as mãos e comê-las com os molhos que acompanham.

Luang Prabang, Laos (Foto: Esse Mundo É Nosso)

A rede hoteleira de Luang Prabang é bem grande e a cada temporada surgem novas opções charmosas. Os hotéis boutique muitas vezes oferecem SPA, um descanso pro corpo num lugar famoso pelo sossego da alma. Tudo isso por diárias super camaradas. Conhecemos e aprovamos duas ótimas opções, o Kiridara Hotel e o Villa Maly(foto abaixo).

Onde ficar em Luang Prabang: Villa Maly (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Nos arredores da cidade, são muitas as atividades que esperam pelos turistas. A talvez mais disputada são as cachoeiras de águas azul-turquesa de Kwang Si, a 30Km do centro (veja como visitar).

Cachoeiras de Luang Prabang: Kwang Si (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Outra atividade muito procurada é visitar as fazendas de elefantes, andar nos animais e até tomar banho de rio com eles. As agências mais confiáveis ficam na rua principal e vale sempre pesquisar se há ou não registro de maus tratos dos animais. Os tours muitas vezes incluem programas “casados”, como uma volta de elefante com visitas às cavernas do Park Ou Cave e cachoeiras.

Luang Prabang, Laos (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Depois de um dia agitado, procure um animado bar para curtir o fim de tarde ou embarque no Nava Mekong pra um jantar navegando no rio Mekong (saiba mais). Adorava terminar meus dias no animado Utopia, um bar com palafitas sobre o rio Nam Khan. Para chegar, pegue as ruelinhas no cruzamento da Th Phommatha com a Th Chao Sisuphon. Há placas por ali.

Luang Prabang, Laos (Foto: Esse Mundo É Nosso)

 

COMO CHEGAR A LUANG PRABANG

Sem dúvida a melhor forma é de avião. O aeroporto está a apenas 4Km do centro e tem voos para Vientiane e outras cidades do Laos, além de alguns internacionais, como para Bangkok, Cingapura, Kuala Lumpur e Hong Kong. Vans levam turistas do terminal à cidade por 50 mil kip.

Ônibus para Vientiane costumam levar de 10 a 14 horas para percorrer os 425Km. Para Van Vieng a viagem dura de 6 a 9 horas. Procure sempre os ônibus conhecidos como VIP, que oferecem mais conforto e segurança pros turistas.

Luang Prabang, Laos (Foto: Esse Mundo É Nosso)

 

+ A emoção da Ronda das Almas em Luang Prabang
+ Kwang Si e as incríveis cachoeiras de águas azul-turquesa
+ Como tirar o visto para o Laos
+ Nava Mekong e o jantar a bordo de um barco

 

TALVEZ VOCÊ TAMBÉM GOSTE

Rafael Carvalho

Mineiro fã de frango com quiabo e de uma boa cerveja, mora atualmente em São Paulo. É formado em Rádio e TV, pós-graduado em Jornalismo e trabalha há mais de 12 anos com Conteúdo Digital. Já passou por empresas como SBT e Jovem Pan FM. Apaixonado por viagens, fundou o Esse Mundo É Nosso e roda o Brasil e o mundo o ano todo sempre em busca de dicas para serem compartilhadas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *