Ortaköy: O charmoso bairro de Istambul sob a Ponte do Bósforo

A Ponte do Bósforo é um dos principais cartões postais de Istambul, na Turquia. E não existe lugar melhor para ver essa maravilha da engenharia, que liga os lados europeu e asiático da cidade, do que no charmoso bairro de Ortaköy.

ORTAKÖY E PONTE DO BÓSFORO

Com mais de 1,5Km de extensão, a Ponte do Bósforo é linda e mundialmente conhecida por ligar a Europa e a Ásia. O vão entre as duas torres chega a 65 metros de altura sobre mar. Inaugurada em 1973, a obra levou três anos para ficar pronta e teve um custo estimado em US$200 milhões.

Ponte do Bósforo - Istambul (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Bem ali ao lado, às margens do Bósforo, canal que liga os mares Negro e o de Mármara, Ortaköy é um lugar que parece ter saído dos filmes, lotado de gente durante as tardes quentes. As ruelas decoradas são cheias de bares, restaurantes, cafés e sorveterias. Sentar-se em um desses estabelecimentos à beira-mar, sob a ponte símbolo da cidade é de tirar o fôlego.

Ortaköy e Ponte do Bósforo - Istambul (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Ortaköy e Ponte do Bósforo - Istambul (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Ortaköy e Ponte do Bósforo - Istambul (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Quando visitei o lugar, durante o verão turco, havia um festival de música, que deixou os calçadões do bairro ainda mais cheios. Por falar nisso, todos os quarteirões próximos do Bósforo são fechados apenas para pedestres, o que torna o passeio ainda mais agradável.

Ortaköy e Ponte do Bósforo - Istambul (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Ortaköy e Ponte do Bósforo - Istambul (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Ortaköy e Ponte do Bósforo - Istambul (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Se a diversão em Ortaköy começa cedo, também não tem hora de acabar. Cruzando por debaixo da ponte em direção a Kuruçeşme, do lado oposto dos cafés, fica a noite mais agitada de Istambul (e mais cara também). Na apelidada “Gold Mile”, estão grandes casas noturnas conhecidas internacionalmente, como Reina e Sortie. Além da carteira cheia, invista no visual, pois os turcos capricham no look para sair à noite.

COMO CHEGAR

O único contratempo de visitar Ortaköy é o fato de o principal acesso ser a Muallim Naci Caddesi, avenida congestionada durante o dia e a noite. A melhor forma de tentar driblar o trânsito é pegar uma balsa até Beşiktaş ou um tram até Kabataş e dali seguir em um dos vários ônibus ou de táxi. Eu fiz o trajeto de Beşiktaş até Ortaköy a pé, para fugir do congestionamento, mas confesso que é um longo trecho, quase meia hora de caminhada.

Muallim Naci Caddesi - Istambul (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Independente da forma como você escolheu visitar Ortaköy e da hora, vale a visita. O bairro é um charme e tem uma vista incrível do Bósforo.

 

Veja também:

+ Sultanahmet: O coração de Istambul

+ Beyoğlu: O bairro boêmio e das compras

+ Um pé na Ásia e outro na Europa: Como curtir o lado asiático

+ A maravilhosa vista 360º da Torre de Galata

+ Os corredores sem fim do Grand Bazar

+ Bazar de Especiarias: Um programa delicioso

+ Onde ver os Dervixes Rodopiantes de graça

+ O inesquecível pôr-do-sol na Ponte Galata

+ Mesquita Azul: O cartão postal de Istambul

+ Cisterna da Basílica: Subterrâneo cheio de história

+ Orient Express: A estação de trem de Agatha Christie

+ Top 5 melhores vistas panorâmicas

+ Hospedagem barata no coração de Istambul

+ Istanbulkart: O cartão de transporte para você economizar

+ Como ir do aeroporto ao centro de Istambul

+ O aeroporto de Istambul: Duty free e vistos

+ Por que tomar sorvete na Turquia é atração turística

 

TALVEZ VOCÊ TAMBÉM GOSTE

Rafael Carvalho

Mineiro fã de frango com quiabo e de uma boa cerveja, mora atualmente em São Paulo. É formado em Rádio e TV, pós-graduado em Jornalismo e trabalha há mais de 12 anos com Conteúdo Digital. Já passou por empresas como SBT e Jovem Pan FM. Apaixonado por viagens, fundou o Esse Mundo É Nosso e roda o Brasil e o mundo o ano todo sempre em busca de dicas para serem compartilhadas.

2 Comments

  1. Maria Angelica de O. Camargo Brunetto disse:

    Boa noite. Gostei muito das sua dicas. Estou indo para Istambul no final do ano. ( chego dia 28 a noite, fico 29 e 30 de dezembro), depois vou pra Capadocia.

    Gostaria de saber se é viável (em termos de tempo)fazer o seguinte roteiro:
    Estou numa excursão, mas temos horários livres.
    – dia 29 vamos visitar o Corno de ouro e Catedral de São Jorge, pela excursão e depois tempo livre (acho que isto deve ser rápido). Neste tempo livre pensei em ir no bazar de Especiarias ainda pela manhã, depois a tarde passeio de barco no canal de Bósforo, torre Gálata e ver o por do sol na ponte Gálata. A noite ver uma apresentação de Derviches conforme sua sugestão.
    – dia 30: Sultanahmet (Mesquita Azul, Haga Sophia, Basílica da Cisterna, Palácio Topkapi, Grand Bazar e Gulhane Park. A noite gostaria de ver show de danças turcas no centro cultural Hodjapasha. vi no site getyourguide um link para compra de ingressos por 22 euros. (será que vale a pena?)
    Fico no aguardo de algumas dicas. Obrigada

    • Oi, Maria Angelica, tudo bem?
      Então, é um pouco complicado quando se está de excursão pois vai depender de quanto tempo livre você realmente vai ter. Mas a Catedral de São Jorge não fica muito distante do Bazar de Especiarias e tanto a torre Galata como a ponte ficam logo em frente, então creio que deve dar tempo sim.
      Sobre o segundo dia, infelizmente eu não conheço esse musical, então sinto não poder ajudar.

      Abraços e ótima viagem!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *