Um verdadeiro paraíso escondido entre a badalação das praias vizinhas. É simples assim que podemos definir a Praia das Pitangueiras em São Sebastião, em São Paulo.

Diferente da outra praia de mesmo nome, mas que fica no litoral Sul e reúne muitos turistas e hotéis no Guarujá, essa aqui é bem quieta, um refúgio a pouco menos de 4km do Centro de “São Sebá”, como é carinhosamente chamada pelos moradores.

Conheça a Praia das Pitangueiras em São Sebastião

Essa pequena praia é cercada por Mata Atlântica bem preservada, o que garante sombra praticamente o dia todo. A Praia das Pitangueiras fica de frente pra Ilhabela e no canal de São Sebastião, o que garante águas bem tranquilas.

Praia das Pitangueiras em São Sebastião

Apesar do mar calminho e limpo, é preciso ficar atento com as crianças, já que essa é mais uma das chamadas “praias de tombo” do litoral paulista. Isso quer dizer que, ao entrar na água, a profundidade aumenta rapidamente.

Notamos isso também em Toque Toque Grande, que era a praia onde estávamos hospedados.

Mar calmo, mas a praia é de tombo
O mar é calminho, mas a praia é de tombo

Se você gosta de fazer snorkel essa também é uma boa pedida, já que são pouquíssimas ondas e a água costuma ficar bem clarinha.

Veja mais
Hotéis com descontos na região
10 praias entre Rio e SP

A praia, estrutura e estacionamento

Essa é uma praia bem curtinha, de cerca de 250 metros de extensão apenas. A faixa de areia também é pequena, o que garante que você consiga ficar perto do mar e ainda aproveitar as sombras das árvores.

Praia com árvores, sombra e vista pra Ilhabela
Vista para Ilhabela

No dia da nossa visita, em uma sexta-feira ensolarada de novembro, havia pouquíssimas pessoas por aqui, mesmo estando tão perto da sempre movimentada balsa pra Ilhabela e das famosas praias de Guaecá e Barequeçaba.

Mesmo com baixo movimento, havia um pequeno carrinho que vendia bebidas e alguns petiscos, como pastéis.

Como a estrutura é pouca, vale trazer sua cadeira de praia ou ao menos uma canga se quiser passar o dia na Praia das Pitangueiras em São Sebastião.

No cantinho esquerdo, fica um dos lugares que mais gostamos. Há algumas pedras fáceis de serem acessadas que garantem um visual lindo da praia de cima.

Vista de cima das pedras da Praia das Pitangueiras em São Sebastião

Como falaremos mais abaixo, há um pequeno estacionamento gratuito no local. Então, se a praia não estiver cheia, você não deve ter problemas. Dali é preciso fazer uma curta caminhada de cerca de menos de cinco minutos até chegar à praia.

Como chegar à Praia das Pitangueiras em São Sebastião

Se você colocar no Google Maps, Waze ou outro aplicativo com GPS não terá dificuldades para chegar até aqui, mas é importante prestar atenção em outras coisas, como o local onde fica a entrada da praia.

O acesso fica na própria rodovia Rio-Santos, mas em trecho perigoso e com uma curva bem acentuada. É bom ficar atento(a) e, se preciso for, fazer o retorno mais à frente para evitar cruzar a estrada. O bom é que há sinalização.

Por conta do acesso meio complicadinho, muita gente nos perguntou se tinha estacionamento na Praia das Pitangueiras em São Sebastião. A boa notícia é que tem sim. Ele não é muito grande, mas o recuo facilita a saída rápida da estrada e oferece um lugar tranquilo pra deixar o carro.

Talvez esse seja outro ponto positivo. Como o estacionamento não é muito grande, a praia acaba não enchendo muito, já que fica complicado estacionar em outros lugares próximos.

Por conta disso, se puder, evite os fins de semana de verão ou os feriados prolongados.

Após deixar o carro, você deverá caminhar por uma estradinha de terra por menos de cinco minutos até chegar à praia. Achei a trilha pequena e muito fácil, sempre reta, o que é tranquilo pra quem traz cadeiras ou está com crianças, por exemplo.

Onde ficar em São Sebastião

Como disse, há poucas, porém ótimas casas e pousadas em Toque Toque Grande, que tem ótimas casas e algumas pousadas. Mas em todo litoral de São Sebastião há também muitas opções para todos os gostos.

Na própria Praia das Pitangueiras você encontra algumas poucas casas, como essa que fica pertinho do mar.

Mas você pode consultar outros hotéis e pousadas da cidade, incluindo casas de veraneio em locais próximos, como o centro da cidade, na praia de Barequeçaba ou na praia de Guaecá.

Dicas importantes

  • Não se esqueça de trazer repelente, já que essa região é bem conhecida pelos temidos borrachudos. Eu não fico sem por nada;
  • Se sua visita for durante a semana, traga pelo menos água para não contar com a sorte de encontrar algum vendedor;
  • Não esqueça o protetor solar;
  • Como há muita sombra, o guarda sol não é necessário, o que ajuda a trazer menos coisas;
  • Preste sempre atenção nas crianças na água. Por ser calminha, ela pode enganar e elas não perceberem que estão afundando rapidamente quando entram no mar.
  • Tenha muito cuidado no acesso ao estacionamento, já que é um trecho perigoso da rodovia.
Praia das Pitangueiras em São Sebastião

Praia das Pitangueiras: Perguntas frequentes

Onde fica a praia?

A Praia das Pitangueiras está localizada a cerca de 4km de São Sebastião, na rodovia Rio-Santos sentido quem vai para Maresias. Fica bem próximo ao Centro de Biologia Marinha da USP.

Como chegar?

O melhor é ir de carro, já que o acesso é meio complicado. Se você tentar ir de transporte público, terá que caminhar pelo acostamento da estrada e essa região é bem perigosa.

Tem estacionamento?

Tem sim e gratuito, mas não muito grande. Se for num fim de semana de feriado ou de verão, tente chegar mais cedo pra garantir sua vaga. Dali até a praia são menos de cinco minutos de caminhada numa estradinha simpática.

Tem pousadas ou hotéis?

Na praia propriamente você não irá encontrar pousadas, mas há algumas casas. Você pode procurar em praias vizinhas, como Barequeçaba, Guaecá ou em São Sebastião. No tópico mais acima falei sobre dicas de onde se hospedar.

Quando ir? Qual a melhor época?

O Litoral Norte de São Paulo é meio complicado. O verão é quente, mas mais chuvoso. O inverno é mais seco, mas uma frente fria pode atrapalhar os planos de pegar praia. Então ao invés de pensar no clima, eu acho válido pensar na lotação e evitaria fins de semana e feriados, principalmente na primavera e verão.

Veja hotéis e pousadas na região

Gostou das dicas? Se quiser conhecer outra praia paradisíaca não muito longe, não deixe de visitar a Praia Calhetas, que fica entre Toque Toque Grande e Toque Toque Pequeno.

Sobre o Autor
Rafael Carvalho
Mineiro fã de frango com quiabo e de uma boa cerveja, mora atualmente em São Paulo. É formado em Rádio e TV, pós-graduado em Jornalismo e trabalha há mais de 12 anos com Conteúdo Digital. Já passou por empresas como SBT e Jovem Pan FM. Apaixonado por viagens, fundou o Esse Mundo É Nosso e roda o Brasil e o mundo o ano todo sempre em busca de dicas para serem compartilhadas.
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Melhor preço para Seguro Viagem

Sobre Nós
Rafael Carvalho

Somos Adolfo Nomelini e Rafael Carvalho, dois jornalistas que trabalham com conteúdo digital há mais de 10 anos. Aqui você encontra nossas dicas de viagens pelo Brasil e o mundo.