Buda de Hong Kong: Saiba como fazer o passeio ao Big Buddha

O Buda de Hong Kong (Tian Tan Buddha) é uma das atrações mais bonitas e emocionantes da cidade-estado.

Localizada em Lantau, maior ilha da região e onde fica o aeroporto, a estátua de bronze, erguida em 1993 e que demorou 12 anos para ficar pronta, é a maior de um Buda sentado ao ar livre na Ásia. Ela possui 34 metros de altura e está virada ao Norte para que o Buda possa olhar sempre para o povo chinês. Chegar até ela não é tão simples, já que é necessário subir 268 degraus. A vista lá de cima para as montanhas é linda.

+ Veja hotéis com desconto em Hong Kong

Buda de Hong Kong (Foto: Esse Mundo é Nosso)

Buda de Hong Kong (Foto: Esse Mundo é Nosso)

Para fazer o passeio, reserve pelo menos meio dia, já que o caminho, como contaremos mais adiante, é longo e há muita coisa bonita para ver por lá, como o Mosteiro de Po Lin, um dos santuários budistas mais importantes de Hong Kong. A experiência de andar por lá e observar os monges e as imagens de Buda é incrível. Sempre com muito respeito, já que não é uma atração turística, faz parte da cultura e da religião do povo de Hong Kong.

+ Não vá pra Ásia sem Seguro Viagem: Encontre o melhor preço

Buda de Hong Kong (Foto: Esse Mundo é Nosso)

Buda de Hong Kong (Foto: Esse Mundo é Nosso)

Buda de Hong Kong (Foto: Esse Mundo é Nosso)

Buda de Hong Kong (Foto: Esse Mundo é Nosso)

Buda de Hong Kong (Foto: Esse Mundo é Nosso)

Buda de Hong Kong (Foto: Esse Mundo é Nosso)

COMO CHEGAR

Para chegar até o famoso Buda de Hong Kong, o Big Buddha, é preciso ir de metrô até a estação Tung Chung e em seguida pegar o teleférico Ngong Ping Cable. O percurso no teleférico dura cerca de 25 minutos e para na entrada do complexo.

Além do teleférico, que já é uma atração por si só, dá para chegar até lá pegando o Ônibus 23 (New Lantao) em Tung Chung Town Centre (Saída B da estação Tung Chung) ou pegando o ferry no Pier Central 6 para Mui Wo. De lá é necessário pegar o Ônibus 2 (New Lantao) para Ngong Ping Village.

Buda de Hong Kong (Foto: Esse Mundo é Nosso)

Buda de Hong Kong (Foto: Esse Mundo é Nosso)

Buda de Hong Kong (Foto: Esse Mundo é Nosso)

Antes de chegar ao Buda Gigante, os visitantes passam por um grande complexo de lojas, lanchonetes e restaurantes.

Buda de Hong Kong (Foto: Esse Mundo é Nosso)

DICAS

Uma dica para quem quer ver de perto o famoso Buda de Hong Kong é chegar bem cedo lá. O Tian Tan Buddha abre às 10h. Portanto, programe-se para chegar lá neste horário. Depois disso, a fila para o teleférico é grande e vai demorar para conseguir entrar.

Buda de Hong Kong (Foto: Esse Mundo é Nosso)

Buda de Hong Kong (Foto: Esse Mundo é Nosso)

Buda de Hong Kong (Foto: Esse Mundo é Nosso)

Buda de Hong Kong (Foto: Esse Mundo é Nosso)

Buda de Hong Kong (Foto: Esse Mundo é Nosso)

Buda de Hong Kong (Foto: Esse Mundo é Nosso)

Para quem gosta de fazer compras, vale aproveitar a visita ao Buda para passar depois no CityGate Outlets, que fica bem perto da estação do metrô Tung Chung e da entrada do teleférico. Quando fomos, não achamos nada de muito barato, mas vale a visita mesmo que rapidamente.

+ Hotéis com desconto e cancelamento grátis em HK
+ Veja mais dicas da cidade-estado

+ Quanto custa uma viagem pra lá? Veja valores
+ The Peak: a vista mais incrível da cidade

BUDA DE HONG KONG

Tian Tan Buddha: De segunda a domingo | 10h – 17h30
Po Lin Monastery: De segunda a domingo | 8h – 18h

Booking.com

Adolfo Nomelini

Jornalista formado pela PUC-SP e pós graduado em Comunicação em Mídias Digitais, é apaixonado por música, coxinha, televisão, seus óculos e internet. Trabalha há 8 anos com conteúdo online e passa boa parte do tempo "jogando o corpo no mundo, andando por todos os cantos e, pela lei natural dos encontros, deixando e recebendo um tanto".

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *