As praias de Phuket, Tailândia: O que fazer além de Patong Beach

Muita gente me pergunta se vale a pena incluir as praias de Phuket num roteiro de viagem à Tailândia. Se a pessoa tem pouco tempo na Ásia, minha resposta normalmente é “não”. Sim, eu entendo que esse é um dos destinos mais divulgados do país, inclusive um dos mais visitados. Mas as praias mais famosas não chegam aos pés de Phi Phi, Maya Bay, Railay ou Koh Lipe.

Então se você tem um roteiro apertado, eu não incluiria. Tanto que apenas vim pra cá na minha segunda viagem ao país, quando tive dois meses para conhecer muitos destinos e decidi ver por que Phuket é oito ou oitenta pra quem já tinha vindo antes: uns odeiam outros amam.

Praias de Phuket, Tailândia - Patong Beach (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Num rápido resumo, não achei as praias tão bonitas como as outras ilhas mais famosas. Tudo bem, entendo que Phuket é gigantesca e não consegui fazer todas as praias, já que foquei no roteiro mais turístico, aqueles que os visitantes mais procuram). Já o ritmo frenético e agitado da cidade é legal, mas por outro lado a questão da prostituição descarada incomoda muita gente. Por fim, por ser um dos lugares mais visitados da Tailândia, os preços aqui não lembram em quase nada outras cidades do país. Mas isso fica pra um outro post…

AS PRAIAS DE PHUKET, TAILÂNDIA

Se Patong Beach, a mais famosa das praias de Phuket e a com melhor estrutura, decepciona à primeira vista, a poucos quilômetros existem outras mais gostosas, mais bonitas e tranquilas. Agora algo que realmente valeu a pena foi fazer os passeios de barco até as ilhas próximas: mar azul e cenário paradisíaco. Se você quer realmente lugares que valem a pena em Phuket, vá direto pro final desse post.

| PATONG BEACH

Como disse acima, Patong Beach é a área mais famosa, onde fica boa parte dos hotéis e resorts de Phuket. O bairro em si, que tem o tamanho de um cidade, é bem interessante, pois conta com shoppings, muitos restaurantes, bares, além da alucinante rua Bangla Road com suas dezenas de baladas e garotas vendendo o que você nem imagina. Vale ainda pela proximidade com o aeroporto e a facilidade de transporte.

Praias de Phuket, Tailândia - Bangla Road (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Bangla Road em Phuket

Por conta dessa boa estrutura, a maioria dos turistas se hospeda aqui, inclusive eu fiquei aqui (conto mais no fim do post). Na cabeça de muita gente, Phuket se resume apenas a Patong Beach. Mas não, essa é uma ilha gigante e podemos considerar Patong como “uma cidade” dessa província.

Agora vamos à praia. Não achei Patong Bech tão feia e tão suja como muita gente me alertou. Ok, não é das praias mais lindas que já fui, mas é uma praia normal, que lembra muito as grandes cidades brasileiras à beira-mar por conta de sua lotação no verão.

Praias de Phuket, Tailândia - Patong Beach (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Praias de Phuket, Tailândia - Patong Beach (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Apesar de haver muitos bares e restaurantes na orla, senti falta de algum beach club mais bonitinho ou mesmo algum barzinho pé na areia. Mas aqui o que o pessoal mais gosta é mesmo alugar um colchonete e se esticar sob o sol, curtir as fortes ondas ou fazer passeios de lancha, por exemplo.

Praias de Phuket, Tailândia - Patong Beach (Foto: Esse Mundo É Nosso)

É um péssimo lugar? Não! Mas acho que os brasileiros em geral não vão achar tanta graça em Patong, ainda mais sabendo que o mar lindo de Phi Phi está a poucas horas de barco dali.

 

| KARON BEACH

A apenas 8km de Patong, Karon Beach já é uma praia mais ao estilo que nós brasileiros gostamos. Cercada por verde, é um convite pra entrar no mar.

Praias de Phuket, Tailândia - Karon Beach (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Apesar de cheia, é mais tranquila que Patong e a estrutura aqui ainda permanece boa, com aluguel de cadeiras, bares, restaurantes e mercadinhos. E há boas opções pra se hospedar por aqui também (veja aqui).

Praias de Phuket, Tailândia - Karon Beach (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Praias de Phuket, Tailândia - Karon Beach (Foto: Esse Mundo É Nosso)

 

| KATA BEACH

Eu fui a pé numa caminhada de cerca de 30min desde Karon até Kata Beach. Essa sim me fez ver que, mesmo perto da área mais famosa, havia algo que poderia me surpreender. Essa pequena e deliciosa enseada, apesar de ter uma menor estrutura, tem um público mais jovem, bares descolados e hotéis que me deram vontade de ter ficado hospedado aqui (veja opções com descontos).

Praias de Phuket, Tailândia - Kata Beach (Foto: Esse Mundo É Nosso)

O mar é quente e calminho, as águas cristalinas e tudo isso pertinho de Patong Beach. Valeu a pena!

Praias de Phuket, Tailândia - Kata Beach (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Praias de Phuket, Tailândia - Kata Beach (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Se você, assim como eu, quiser ter uma vista panorâmica das principais praias de Phuket, vale ir até o Karon View Point. Só não faça como eu e ache que dá pra ir a pé. A subida foi extremamente cansativa e eu levei mais de uma hora andando pela estrada. Vale ir de táxi ou algum outro meio de transporte.

Praias de Phuket, Tailândia - Kata Beach (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Vista do Kata/Karon View Point

 

COMO CHEGAR EM KARON E KATA BEACH

Saindo de Patong Beach, o ideal é você negociar (e muito) com um táxi, tuk tuk ou então com um mototáxi. Eu fui nessa última opção, pois estava sozinho. Não foi caro e valeu a pena.

Quem quiser ir de transporte público, que é uma espécie de caminhão adaptado, vale se certificar de que ele realmente segue direto pras prais. Se não, você terá que fazer uma “conexão” em Phuket Town e a simples viagem que levaria 10min pode levar mais de 2h, pois é muito longe (eu me meti nessa enrascada um dia).

 

| AS ILHAS PRÓXIMAS

Se estamos falando das praias de Phuket não poderia deixar de falar das melhores surpresas durante os dias em que estive aqui. Qualquer agência de Patong oferece passeios para diversas ilhas próximas e eu amei todas elas. As mais lindas já ganharam até post’s especiais: Raya Island, Koh Khai Islands e Coral Island.

Raya Island em Phuket (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Raya Island em Phuket

Dê uma olhada em cada uma e pode ter certeza que você vai ver que é possível sim encontrar lugares paradisíacos em plena Phuket.

 

ONDE FICAR

Como disse no começo, eu me hospedei em Patong Beach pela boa estrutura e opções de bares e restaurantes, ainda mais que eu estava sozinho. Foi uma boa escolha, mesmo fazendo esses passeios ao longo do dia. O primeiro hotel que escolhi foi o Red Planet Patong, uma espécie de Ibis (bom, bonito e barato). Ele ficava a uma curta caminhada da praia e bem perto do burburinho. Inclusive o Ibis Patong fica bem pertinho dali.

Praias de Phuket, Tailândia - New Nordic Ratana (Foto: Divulgação)

New Nordic Ratana Suites (Divulgação)

Depois de alguns dias, troquei para o vizinho New Nordic Ratana Suites, que apesar de ser um pouco mais caro, tinha uma estrutura bem melhor e mais confortável, incluindo piscina. Foi uma boa escolha também!

Mas de todo jeito, Phuket tem centenas de hotéis para os mais diversos tipos de bolsos. Só recomendo mesmo que você tente ficar mais próximo da praia ou da avenida Thanon Ratuthit Songroipi, o que garante que você esteja mais na área central e perto das atrações (veja mais hotéis com descontos na região).

+ Raya Island: Um paraíso de águas cristalinas
+ Koh Khai Islands num rápido bate-volta de Patong
+ Todas as dicas pra sua viagem a Phi Phi
+ Tudo que você precisa saber pra curtir a Tailândia

Tem mais alguma dúvida ou dica de boas escolhas entre as praias de Phuket? Deixe seu comentário!

 

TALVEZ VOCÊ TAMBÉM GOSTE

Rafael Carvalho

Mineiro fã de frango com quiabo e de uma boa cerveja, mora atualmente em São Paulo. É formado em Rádio e TV, pós-graduado em Jornalismo e trabalha há mais de 12 anos com Conteúdo Digital. Já passou por empresas como SBT e Jovem Pan FM. Apaixonado por viagens, fundou o Esse Mundo É Nosso e roda o Brasil e o mundo o ano todo sempre em busca de dicas para serem compartilhadas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *