Cabo Polonio é uma daquelas preciosidades do Uruguai. Para chegar é preciso pegar uma jardineira e fazer um caminho pelas areias balançando para todos os lados. Por lá, o clima é de vilinha no melhor estilo do Nordeste do Brasil. Tudo pé na areia, restaurantes estilosos, muito vinho e um visual deslumbrante. Neste post damos todas as dicas sobre um dos lugares mais charmosos do Uruguai.

CABO POLONIO

| DICAS

A cidade maiorzinha mais próxima de Cabo Polonio é La Paloma. Quando fomos, decidimos fazer base lá para acordar cedinho na manhã seguinte e passar o dia na vila. Quando descemos da tal jardineira e andamos por lá, percebemos que o melhor teria sido passar uma noite em Cabo Polonio (encontre hotéis e pousadas com desconto) para poder relaxar de verdade. Não deu dessa vez…

Cabo Polonio, no Uruguai (Foto: Esse Mundo é Nosso)

Cabo Polonio, no Uruguai (Foto: Esse Mundo é Nosso)

A gente não quis arriscar antes de conhecer porque havíamos lido sobre falta de energia elétrica, água corrente e internet, mas quando chegamos lá, descobrimos que quase todas as casas possuem gerador e tem internet liberada pra todo mundo na pracinha onde a jardineira deixa as pessoas.

Cabo Polonio, no Uruguai (Foto: Esse Mundo é Nosso)

Cabo Polonio, no Uruguai (Foto: Esse Mundo é Nosso)

Cabo Polonio, no Uruguai (Foto: Esse Mundo é Nosso)

Cabo Polonio, no Uruguai (Foto: Esse Mundo é Nosso)

Cabo Polonio, no Uruguai (Foto: Esse Mundo é Nosso)

De Montevidéu a Cabo Polonio, são 250 km. Dá pra fazer a viagem sem parar, mas a graça é ir conhecendo cada cidade no caminho, como Punta del Este, José Ignácio e La Paloma. Neste outro post nós contamos tudo sobre o roteiro de carro que fizemos no país.


| COMO CHEGAR

Para chegar lá é preciso ir de carro até o Parque Nacional Cabo Polonio. Pra vir até aqui seja saindo de Montevidéu ou Punta del Este, o melhor é alugar um carro, já que o transporte público não é tão eficiente por essas bandas. Nós alugamos na RentCars, que encontra os melhores preços entre diversas locadoras e o pagamento ainda é em reais, ou seja, você economiza o IOF. Dá pra fazer a cotação e contratar pelo site mesmo. É bem fácil e vantajoso!

Ao chegar na entrada do parque, você deve deixar o carro num estacionamento e seguir viagem até a vila na famosa jardineira. O trajeto não é longo, cerca de trinta minutos, mas é emocionante, já que a estrada é de areia e o que a gente mais faz é chacoalhar. Na verdade, teve só um pouquinho de emoção, foi tudo bem tranquilo e divertido.

+ Encontre seu hotel no Uruguai com desconto

Cabo Polonio, no Uruguai (Foto: Esse Mundo é Nosso)

O ingresso de ida e volta custa 230 pesos por pessoa (cerca de 8 dólares) e o estacionamento sai por 190 pesos (cerca de 7 dólares) a diária (valores de fevereiro de 2018). O transporte é feito durante todo o dia (das 7h às 20h), mas varia de acordo com a temporada. Para saber os horários e preços atualizados, vale a pena entrar no site do governo.

 

| CHEGANDO LÁ

Depois de descer da jardineira, você perceberá que valeu muito a pena. Cabo Polonio surpreende e conquista logo de cara. Parece que o estresse e as preocupações ficam lá no estacionamento. Uma sensação de paz, natureza linda (com direito a lobos marinhos no mar), pé na areia e os ótimos vinhos uruguaios.

Cabo Polonio, no Uruguai (Foto: Esse Mundo é Nosso)

A vila possui pousadas charmosinhas e restaurantes bonitinhos. Não é barato, mas os preços também não são exorbitantes. Gostamos muito do restaurante La Perla del Cabo, que também é hotel.

Encontre o melhor preço no Seguro Viagem pro Uruguai
Não viaje pro Uruguai sem um seguro. Você evita dores de cabeça com eventuais problemas de saúde e até mesmo imprevistos com cancelamentos e atrasos de voos. Vale a pena já sair do Brasil com um seguro garantido. Use o cupom ESSEMUNDOENOSSO5 e ganhe mais 5% de desconto

 

| ATRAÇÕES

Acho que já deu pra perceber que as maiores atrações de Cabo Polonio são beber um bom vinho, aproveitar a praia vazia e curtir a tranquilidade tão rara no nosso dia a dia agitado. Além de ver os lobos marinhos, é claro. Mas, Cabo tem também um farol. E dá para subir nele e ter o privilégio de prestigiar a vista de Cabo Polônio por um valor bem simbólico (menos de 1 dólar).

Cabo Polonio, no Uruguai (Foto: Esse Mundo é Nosso)

Cabo Polonio, no Uruguai (Foto: Esse Mundo é Nosso)

Cabo Polonio, no Uruguai (Foto: Esse Mundo é Nosso)

Cabo Polonio, no Uruguai (Foto: Esse Mundo é Nosso)


| FORA DA TEMPORADA

Nós fomos já quase no fim da temporada. Não estava vazio, mas também não estava lotado. Pelo que conversamos com algumas pessoas de lá, não vale a pena visitar Cabo Polonio no outono e no inverno. Faz frio, venta muito e muitos hotéis e restaurantes não funcionam.

+ Encontre seu hotel no Uruguai com desconto

+ Veja todas as dicas do Uruguai
+ Roteiro de carro pelo país; Cidades e praias
+ Dicas para passar pela imigração no Uruguai
+ 10 coisas que é bom saber antes de viajar pra lá

Sobre o Autor
Adolfo Nomelini
Jornalista formado pela PUC-SP e pós graduado em Comunicação em Mídias Digitais, é apaixonado por música, coxinha, televisão, seus óculos e internet. Trabalha há 8 anos com conteúdo online e passa boa parte do tempo "jogando o corpo no mundo, andando por todos os cantos e, pela lei natural dos encontros, deixando e recebendo um tanto".
11 respostas
  1. Em resumo….é para passar trabalho…não tem nada , nenhuma infra e eé caro pra cacete…é o paraíso dos maconheiros…nunca mais!!! Enchem o rabo de maconha e não ligam para as dificuldades do local. A comida é cara é sem qualidade.

  2. Estive em Cabo Polonio em Jan/19, fui de São Paulo até Chui de carro, atravessei a fronteira (avenida) e peguei o ônibus de carreira mesmo, sai de 1 em 1 hora mais ou menos, a viajem levou umas 3 horas porque o ônibus entra em tudo que é lugar, muita estrada de terra, porém, bem conservada, você chega na base e compra ingresso para o “traslado” por caminhões (de meia em meia hora) adaptados para areia, nada de mais, tudo tranquilo, o local é lindo,tudo muito rústico, tudo muito caro, vale a pena cada centavos. Paguei 1 cerveja e um lanche misto quente 57,41 REAIS (convertidos de peso para reais), pra mim o top foi os lobos marinhos, farol e a vilinha, maconha corre livre leve e solta.

  3. Olá!
    Verifiquei no site do Governo os horários dos passeios a Cabo Polonio, e fiquei com dúvida os “HORARIOS DE INGRESO” são os horários que o caminhão sai e vai até na praia, e os “HORARIOS DE SALIDA” é a volta da praia até o estacionamento?
    Fiquei na dúvida pois o primeiro horário no “INGRESO” é as 06h00, e na “SALIDA” as 06h30, o que por lógico seria as 6h a ida e as 6h30 a volta… mas aí com relação ao último horário, no “INGRESO” tem um horário as 20h, enquanto que na “SALIDA” o último horário é as 18… fiquei confusa… você consegue me esclarecer esta dúvida?

    Att,
    Bruna

  4. Olá! Meu marido e eu estamos planejando uma viagem de carro por algumas cidades do Uruguai. Mas vamos acompanhados dos nossos dois filhos pequenos (um de 6 anos e o outro de 10 meses). Você acha viável irmos a Cabo Polônio, já que a cidade é pequena e precisa passar por uma “aventura” para chegar até lá?
    Obrigada!

  5. Olá, pretendo ir com meu namorado em setembro de carro, seria seguro deixar no estacionamento? E sobre hospedagem qual seria mais em conta pra ficar em cabo polônio? Obrigada

  6. Olá estou planejando conhecer cabo polonio em setembro
    Vou ir de moto co minha esposa.Então deixo a moto na entrada do Parque e pegamos as mochilas e vamos de caminhão até o hostel? Seria isto?

    1. Oi, Cleumar.

      É isso mesmo. Quando nós fomos, deixamos o carro no estacionamento do parque e pegamos o caminhão. Na volta, pegamos o caminhão de novo até o carro e seguimos a viagem para a próxima cidade.

      Obrigado pelo comentário!

      Adoflo

  7. Adorei o post e o blog, obrigada pelas dicas!
    Queria saber se é necessário reservar com antecedência para ir ao Cabo Polônio ou só chegar…

    1. Oi, Katia. Tudo bem?

      Obrigado pelo comentário.

      Se você quiser dormir por lá, talvez seja melhor reservar antes. Agora, para passar o dia, não tem necessidade. Nós chegamos ao parque e já pegamos o próximo caminhão até lá.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Reserve seu hotel aqui
Melhor preço para Seguro Viagem

Sobre Nós
Rafael Carvalho

Somos Adolfo Nomelini e Rafael Carvalho, dois jornalistas que trabalham com conteúdo digital há mais de 10 anos. Aqui você encontra nossas dicas de viagens pelo Brasil e o mundo.