Passeio de Meia Volta em Ilha Grande: Dicas e como fazer

Quando li que havia o passeio de Meia Volta em Ilha Grande, achei que não iria precisar fazê-lo. Pensei: “Se já tiver feito o passeio de Volta à Ilha, não terá necessidade de fazer o de Meia Volta”. Só que não. Uma coisa não tem nada a ver com a outra.

O passeio de Meia Volta em Ilha Grande tem paradas diferentes do de Volta à Ilha. Não é metade do que o outro tour faz. Então, se tiver disponibilidade vale a pena incluir os dois no seu roteiro. Neste post, darei algumas dicas e contarei mais da nossa experiência por lá.

PASSEIO DE MEIA VOLTA EM ILHA GRANDE

Eu falo isso em todos os nossos posts sobre os passeios em Ilha Grande. Se puder, tente fazer logo de cara o passeio de Volta à Ilha. Isso porque o tour vai para a região de mar aberto e pode ser cancelado devido ás condições do clima e do mar. Quando nós fomos, por exemplo, o passeio ficou seis dicas sem acontecer. Para não correr o risco, vale a pena incluí-lo logo no começo da viagem. Dica dada, vamos falar do passeio de Meia Volta em Ilha Grande.

Passeio de Meia Volta em Ilha Grande (Foto: Esse Mundo é Nosso)

| COMO É O PASSEIO DE MEIA VOLTA EM ILHA GRANDE?

O passeio de Meia Volta em Ilha Grande começa às 9h30 da manhã e termina por volta das 16h30. Ele, geralmente, possui quatro paradas. Cada uma com cerca de 1h de duração, além do almoço. Esse tour explora a região norte da ilha e as paradas são mais para mergulho.

+ Veja tudo sobre os passeios mais famosos na região
+ O que fazer por lá: Nossas sugestões
+ Onde ficar: Nossas dicas de pousadas na Vila do Abraão

COMO O PASSEIO É FEITO?

Assim como os passeios de Volta à Ilha e Ilhas Paradisíacas, o Meia Volta também é feito em lanchas com no máximo 17 pessoas.

O QUE ESTÁ INCLUSO?

Pode haver alguma variação entre as agências, mas, em geral, eles dão gelo e água mineral e disponibilizam um cooler para que os turistas possam levar suas próprias bebidas.

O QUE PRECISO LEVAR?

Como já disse, o ideal é levar bebidas. Além disso, vale a pena levar também algum lancinho para caso dê bastante fome.

PRECISO RESERVAR?

Sempre é bom reservar o passeio na noite anterior. Geralmente, é preciso dar um pequeno adiantamento em dinheiro.

POSSO CANCELAR?

Sim. É possível cancelar o passeio de Meia Volta em Ilha Grande caso o tempo não esteja bom ou você não esteja disposto a fazer o tour. Lembre-se de perguntar até quanto tempo antes do horário previsto de início do passeio é possível cancelá-lo.

Passeio de Meia Volta em Ilha Grande (Foto: Esse Mundo é Nosso)
Lagoa Azul (Foto: Esse Mundo é Nosso)

É FÁCIL ENCONTRAR ESTE PASSEIO NAS AGÊNCIAS?

Sim. Andando pela Vila do Abraão é muito fácil encontrar este passeio disponível nas agências. Nós fizemos com a LIG (Lanchas Ilhas Grande).

| PARADAS DO PASSEIO DE MEIA VOLTA EM ILHA GRANDE

O passeio de Meia Volta em Ilha Grande possui, geralmente, quatro paradas, mas pode ter alguma variação de agência para agência. Vou falar mais sobre os lugares em que fomos no nosso passeio.

LAGOA AZUL

A nossa primeira parada no passeio de Meia Volta em Ilha Grande foi na Lagoa Azul. Esta piscina natural é ótima para a prática de mergulho. Por isso, as embarcações têm uma área restrita para ficarem ancoradas. Desta forma, os turistas podem nadar com maior tranquilidade e sem correr riscos. Em 2018, um acidente aconteceu na região e deixou dois mortos.

Passeio de Meia Volta em Ilha Grande (Foto: Esse Mundo é Nosso)

LAGOA VERDE

Perto de Araçatiba, está a Lagoa Verde, a segunda parada do passeio. Assim como a Lagoa Azul, ela forma uma piscina natural, o que é ótimo nadar e mergulhar. Tem esse nome devido aos corais esverdeados.

Passeio de Meia Volta em Ilha Grande (Foto: Esse Mundo é Nosso)

PARADA PRO ALMOÇO – MAGUARIQUESSABA

Diferente de grande parte dos outros tours, no passeio de Meia Volta em Ilha Grande, o almoço acontece no meio e não no final. Mais uma vez fomos até Maguariquessaba no restaurante que já havíamos ido nas outras duas vezes. Como era mais cedo, desta vez pedimos uma porção de batata. Nos outros casos, deixamos para comer na Vila do Abraão.

SACO DO CÉU E PRAIA DO AMOR

A próxima parada foi na Praia do Amor, que fica no Saco do Céu. Aliás, a explicação do nome é interessante. Dizem que realmente a região tem o formato de um saco e que em noites claras as estrelas ficam refletidas nas águas do mar.

Saco do Céu em Ilha Grande (Foto: Esse Mundo é Nosso)

Sobre a Praia do Amor, a lenda conta que quem se beijar nas areias dela não se separa mais. Será?

Como quando chegamos logo começou a chover, decidimos ir direto para a Praia da Feiticeira.

+ O que fazer no destino: Nossas dicas
+ Selecionamos os melhores hotéis e pousadas por lá

PRAIA DA FEITICEIRA

A última parada do nosso tour foi na Praia da Feiticeira. Ela possui uma grande faixa de areia, o que é bom pra quem quiser dar uma relaxada, mas também é ideal pros que gostam de praticar snorkel. Além disso, a cerca de 30 minutos de lá, está uma cachoeira bem famosa. Entretanto, é bom checar o tempo da parada para saber se dará tempo de ir até lá. Acho difícil. Nesse caso, o ideal é pegar um táxi boat que sai da Vila do Abraão direto para a Praia da Feiticeira.

Passeio de Meia Volta em Ilha Grande (Foto: Esse Mundo é Nosso)

| ONDE FICAR EM ILHA GRANDE

A nossa dica é ficar hospedado na Vila do Abraão, já que é lá que está a maior estrutura de Ilha Grande, como restaurantes, lojas, hotéis e agências. Além disso, os passeios costumam sair de lá. A gente fez um post bem completo com dicas de hotéis e pousadas na região.

Pousada Caúca (Foto: Divulgação)
Pousada Caúca (Foto: Divulgação)

Nós ficamos hospedados na Pousada Caúca, que é simples, mas confortável, além de ser bem localizada e ter um bom custo-benefício. Aproveite para checar o valor das diárias com descontos.

Ficou com alguma sobre o passeio de Meia Volta em Ilha Grande? Deixe nos comentários!

+ Veja todas as nossas dicas do destino
+ Passeios: Selecionamos os melhores
+ O que fazer por lá: Saiba o que é imperdível
+ Onde ficar: Melhores pousadas e hotéis com desconto
+ Onde comer: Melhores bares e restaurantes
+ Quando ir: Melhor época para aproveitar

TALVEZ VOCÊ TAMBÉM GOSTE

Adolfo Nomelini

Jornalista formado pela PUC-SP e pós graduado em Comunicação em Mídias Digitais, é apaixonado por música, coxinha, televisão, seus óculos e internet. Trabalha há 8 anos com conteúdo online e passa boa parte do tempo "jogando o corpo no mundo, andando por todos os cantos e, pela lei natural dos encontros, deixando e recebendo um tanto".

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *