O que fazer em Santorini, Grécia: Pontos turístico e atrações

Talvez a mais famosa das Ilhas Gregas, há muito o que fazer em Santorini. O destino tem um dos visuais mais bonitos da Grécia, com casinhas brancas penduradas nas encostas, hotéis dos sonhos e praias bem exóticas.

Por conta de suas atrações e pontos turísticos, além do clima romântico, a ilha localizada no Mar Egeu é um dos destinos dos sonhos de muita gente mundo afora e era um dos meus também. Nesse post nós damos as dicas do que ver e fazer por lá.

O QUE FAZER EM SANTORINI, GRÉCIA

Antes de começarmos as dicas de o que fazer em Santorini, vale falar um pouco sobre a geografia do lugar, pois isso irá impactar sua viagem. Primeiramente é que a ilha não é apenas uma cidade, mas várias. Então, como falaremos mais abaixo, você terá de escolher em qual irá se hospedar e irá circular entre elas durante os passeios.

O que fazer em Santorini (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Outa coisa importante é tentar entender o que é a caldeira. Logo ao desembarcar, você irá ouvir muito sobre ela. E o que isso quer dizer? O que tem a ver com os meus passeios? Vou tentar explicar de modo mais simples.

A CALDEIRA: Santorini (também chamada de Thira) é uma das ilhas de um arquipélago que têm um formato circular. De grosso modo, elas são o “o resto de uma caldeira vulcânica”, que nada mais é quando uma cratera vulcânica entra em colapso após uma forte erupção. Nesse caso, a caldeira foi tomada pela água do mar. Se você quiser saber mais, consulte esse link.

Caldeira em Santorini (Foto: Esse Mundo É Nosso)
A caldeira de Santorini

E por que é importante falar disso logo de cara? É que aqueles cenários dos sonhos de Santorini normalmente ficam nas encostas da caldeira. E é isso que faz o visual ser inesquecível! Agora vamos finalmente às dicas de atrações e pontos turísticos.

| FIRA

Essa é a capital de Santorini, onde há mais lojinhas, comércio, bares, restaurantes, hotéis e muita gente nas ruas. É o lugar do burburinho e é por isso que muita gente escolhe se hospedar aqui. Eu fiz o mesmo e não me arrependi. Nós já publicamos um guia de hospedagem em que explicamos as vantagens e desvantagens das principais cidades.

+ Onde ficar: Qual cidade escolher na ilha?

Fira em Santorini (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Bater perna e andar sem rumo por Fira é o melhor jeito de conhecê-la. Ela fica na encosta da caldeira (não falei que usaríamos muito essa palavra?), em um penhasco de 260m que tem um lindo visual da baía. Muitos restaurantes inclusive ficam ali, com vista do alto para o mar.

Fira em Santorini (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Do alto da cidade, sai um teleférico (Santorini Cable Car) que numa rápida viagem leva os turistas até o Antigo Porto (Old Port).

Quem quiser, também pode encarar a escadaria de mais de 500 degraus que te levam até lá. O trajeto pode ser feito de burrinho, como antigamente, e você morre de dó dos bichinhos. Se não quiser ir de escada, melhor apostar no teleférico.

O que fazer em Santorini - Teleférico em Fira (Foto: Esse Mundo É Nosso)
Teleférico em Fira

Dali saem vários passeios de barco, como para a ilha vulcânica de Nea Kameni e as piscinas termais de Palea Kameni. Há ainda outros tours, como para ver o pôr do sol embarcado em Oia. Você pode consultar as agências locais ou já reservar, como eu costumo fazer, pela internet mesmo, no site do Get Your Guide.

+ Veja mais tours disponíveis na ilha

| CAMINHAR PELA ENCOSTA DA CALDEIRA

No primeiro dia, quando eu ainda não sabia muito bem o que fazer em Santorini, saí andando sem rumo pela encosta da caldeira e foi uma das coisas que eu mais gostei de toda a viagem.

O que fazer em Santorini - Encosta da caldeira (Foto: Esse Mundo É Nosso)

De trás do teleférico vale seguir em uma calçada que percorre a encosta e que te levará a um dos visuais mais bonitos. Se você quiser, não precisa andar muito, mas eu andei uns bons quilômetros. Fui seguindo sem destino e voltei de transporte público.

Sem perceber você acaba chegando às cidades vizinhas de Firostefani (a menos de 2km de Fira) e a Imerovigli (cerca de 3,5km de distância).

Ruelas de Santorini (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Nesse trajeto, você encontrará aqueles cenários de cartão postal, com as casas e hotéis branquinhos pendurados na encosta da caldeira. No caminho inclusive é possível ver as famosas e fotogênicas igrejas.

O que fazer em Santorini (Foto: Esse Mundo É Nosso)

No guia de hospedagem que publicamos, também indicamos essas duas cidades como uma boa opção. Ficam pertinho do agito de Fira, mas têm hotéis mais românticos, com aquelas piscinas de borda infinita e vista pro mar.

A partir de Imerovigli, se você quiser, pode seguir a trilha e fazer hiking até Oia, a vila que é a nossa próxima dica. Eu não encarei, já que a caminhada pode levar até 5h.

+ Veja hoteis com desconto na ilha

| PÔR DO SOL EM OIA

Não dá pra falar em o que fazer em Santorini sem falar de Oia (pronuncia-se “ia”). Esse cantinho da ilha tem um dos fins de tarde mais famosos do mundo. Sim, o pôr do sol em Oia é realmente inesquecível.

Pôr do sol em Oia, Santorini (Foto: Esse Mundo É Nosso)

A cidade, que fica a cerca de 12km de Fira, é uma gracinha, mas quando o sol cai ali é ela é tomada por visitantes. E isso nem sempre é um ponto positivo, mas o visual vale a pena. Mais abaixo vamos falar das melhores formas de como se locomover na ilha, então ainda não se preocupe com isso por enquanto.

Pôr do sol em Oia, Santorini (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Oia também é famosa por ter alguns dos hotéis mais exclusivos, aqueles que rodam o Instagram mundo afora, sabe? Sim, são incríveis, mas essa exclusividade tem um preço.

O que fazer em Santorini - Oia (Foto: Esse Mundo É Nosso)

De toda forma, há opções para quem não quer comprometer todo o orçamento e quer se hospedar na tranquilidade e charme dessa cidade (menos no pôr do sol). Você pode ver no Booking as melhores opções de hotéis por aqui.

Aos pés do penhasco de Oia fica Ammoudi, uma pequena baía com casinhas coloridas e alguns poucos restaurantes. Quem quiser, pode também encarar outra escadaria pra chegar até lá (muitas vezes percorrida por pobres burrinhos outra vez). No caminho, você irá passar pelas Ruínas do Castelo Bizantino, um dos melhores lugares pra assistir ao pôr do sol em Oia.

DESCONTOS NO SEGURO OBRIGATÓRIO NA EUROPA

Brasileiros são obrigados a ter um seguro viagem em muitos países da Europa, incluindo a Grécia. Além de poder ser pedido na imigração, com ele você viaja tranquilo(a) em caso de imprevistos de saúde, extravios de malas ou cancelamentos de voos. Eu já fraturei a coluna no Chile e precisei ser resgatado de helicóptero. Já imaginou quanto custaria se eu não tivesse seguro? Sugerimos que você faça a cotação no site da Seguros Promo, que é um buscador para encontrar o melhor preço. Use o cupom ESSEMUNDOENOSSO5 e ganhe descontos, que podem ser maiores se você pagar no boleto.

| PRAIAS EM SANTORINI

Esse é um dos pontos mais polêmicos. Não espere encontrar em Santorini as incríveis praias de Mykonos ou de outras Ilhas Gregas. Acontece que sua origem vulcânica fez com que suas areias fossem muito escuras.

Praias Perivolos em Santorini (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Então é melhor esperar praias exóticas do que as que estamos acostumados no Brasil. Nós também publicamos um guia das praias de Santorini com as melhores e suas atrações detalhadas, vale dar uma olhada para montar o seu roteiro, nem que seja pra conhecê-las em apenas um dia.

Red Beach em Santorini, a Praia Vermelha (Foto: Esse Mundo É Nosso)
Red Beach, a Praia Vermelha

As mais famosas são a Red Beach (que é a curiosa Praia Vermelha), Perissa e Kamari, essas últimas duas com ótima estrutura.

+ Onde ficar: Um guia pra escolher a cidade
+ As melhores praias e o que esperar delas
+ Tudo sobre o pôr do sol em Oia
+ Todas as dicas pra sua viagem à ilha

COMO CIRCULAR EM SANTORINI

Apesar de relativamente grande, os deslocamentos entre as cidades de Santorini não são longos, mas podem ser um pouco demorados por conta de muitas subidas e descidas. Você não terá necessariamente que alugar um carro ou moto.

Se você irá focar sua viagem mais entre Fira e Oia, sem visitar as praias, pode usar com facilidade o transporte público. Tudo bem que ele fica cheio (como, por exemplo, na volta do pôr do sol em Oia), mas dá pra se virar bem.

Agora se você quer conhecer muitos lugares da ilha por conta própria e visitar as praias no seu tempo, vale sim alugar um carro ou ao menos uma moto ou quadriciclo. Esses dois últimos podem ser retirados facilmente nas dezenas de agências; já o carro vale fazer pela internet.

De quadriciclo em Santorini (Foto: Esse Mundo É Nosso)

Nós recomendamos que você faça a cotação no site da Rentcarsr, que é nossa parceira e trabalha como um buscador pra encontrar os melhores preços em locadoras do mundo todo. Por ser uma empresa brasileira, você paga em reais, sem IOF e ainda pode parcelar. Nós sempre usamos nas nossas viagens e você faz tudo pela internet.

Se você chega pelo aeroporto e não irá alugar carro, o táxi pode ser a melhor solução. Quem vem de barco, para no novo porto e pode pegar também um táxi ou os ônibus, que saem mais baratos. Eles já ficam enfileirados esperando os passageiros.

Por fim, se você só vem passar o dia a bordo de um cruzeiro, sua chegada será no Porto de Gialos (o Porto Antigo que citamos no começo do post). Então é mais fácil, já que basta pegar o teleférico ou encarar a escadaria e já estará no coração de Fira.

+ Veja hotéis com descontos na ilha
+ Melhor preço no seguro obrigatório pra Europa
+ Quando ir pra Grécia: A melhor época
+ 13 pratos gregos pra provar por lá
+ Todas as dicas pra aproveitar a ilha
+ Todos os posts da Grécia reunidos

TALVEZ VOCÊ TAMBÉM GOSTE

Rafael Carvalho

Mineiro fã de frango com quiabo e de uma boa cerveja, mora atualmente em São Paulo. É formado em Rádio e TV, pós-graduado em Jornalismo e trabalha há mais de 12 anos com Conteúdo Digital. Já passou por empresas como SBT e Jovem Pan FM. Apaixonado por viagens, fundou o Esse Mundo É Nosso e roda o Brasil e o mundo o ano todo sempre em busca de dicas para serem compartilhadas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *