Boipeba é um daqueles lugares da Bahia pra quem realmente quer relaxar. Diferente da vizinha, Morro de São Paulo, por lá não há tanta vida noturna nem passeios. O negócio é mesmo curtir as praias, comer bem e descansar. Mas quantos dias em Boipeba são ideais para aproveitar bem a ilha sem pressa e sem tédio?

Neste post, a gente traz essa resposta, além de dar dicas para você organizar a sua viagem pra lá.

QUANTOS DIAS EM BOIPEBA?

Antes de falar quantos dias em Boipeba são ideais, vale entender um pouco mais da região. Boipeba é uma ilha localizada no sul da Bahia e, assim como Morro de São Paulo, pertence ao município de Cairu.

Uma coisa que é muito importante saber na hora de planejar a sua viagem pra lá: não é simples chegar à ilha, mas a gente já publicou um post com todos os detalhes pra quem vem saindo de Salvador.

O jeito mais fácil é ir de avião até a capital baiana. De lá, pegar o ferry até a ilha de Itaparica. Depois, pegar um ônibus ou táxi até Valença ou Graciosa e, finalmente, um barco até Boipeba. O trajeto dura praticamente o dia todo. Sabendo disso, é bom reservar dois dias para ir e voltar.

Barco para Boipeba no rio que vai de Graciosa até a ilha na Bahia - Quantos dias ficar em Boipeba (Foto: Esse Mundo é Nosso)
Barco para Boipeba (Foto: Esse Mundo é Nosso)

Outra dica importante: para não correr o risco de perder o barco para Boipeba, vale a pena tentar dormir pelo menos uma noite em Salvador. Assim, dá para acordar cedo e iniciar viagem até Boipeba (Aproveite para ver as opções de hospedagem na cidade)

ATRAÇÕES

Para organizar a viagem, vamos pensar antes nos atrativos da região. São muitas praias, das que a gente consegue ir andando desde a vila estão a da Boca da Barra, Tassimirim e Cueira. Mais distantes, mas ainda mais lindas, são a de Moreré, Bainema e Ponta dos Castelhanos. Vale a pena conhecer todas, mas escolher as que você mais gostar para aproveitar.

+ Melhores praias da ilha

Uma dica: se você gosta de ter liberdade, principalmente à noite, vale se hospedar mais perto do centro da Velha Boipeba. Nós ficamos na Pousada Vila da Barra e recomendamos bastante. Tem uma ótima estrutura e fica perto da Boca da Barra e da vila. É uma das melhores opções nesta região da ilha (Aproveite para ver o valor das diárias com desconto).

Quantos dias em Boipeba: Casal se diverte nas Piscinas Naturais de Moreré (Foto: Esse Mundo é Nosso)
Piscinas Naturais de Moreré (Foto: Esse Mundo é Nosso)

Entre os passeios oferecidos na ilha, o único que é realmente imperdível é o de Volta à Ilha. Ele vai nas Piscinas Naturais de Moreré e dos Castelhanos, além de parar nas praias de Bainema, Ponta dos Castelhanos e na Cova da Onça. Vale a pena para conhecer essas praias mais distantes e também ir às piscinas. O passeio dura o dia todo. Nós fizemos com a agência Coco Loucos.

A noite de Boipeba não é muito agitada. Até para comer é preciso lembrar que os restaurantes não costumam fechar tarde.

Aproveite para ver o nosso post com todas as dicas do que fazer por lá.

MAS AFINAL, QUANTOS DIAS EM BOIPEBA?

Finalmente, vamos falar quantos dias em Boipeba são ideais para curtir bem a ilha. Por não ser muito grande, 4 dias inteiros são suficientes para aproveitar as praias e ainda fazer o passeio de Volta à Ilha. Contando com um dia para ir e outro para voltar, 6 dias é o tempo ideal.

Bainema (Foto: Esse Mundo é Nosso)
Bainema (Foto: Esse Mundo é Nosso)

É bom lembrar mais uma vez que vale a pena dormir a primeira noite em Salvador para acordar cedo no outro dia e ir para a ilha. Com isso, a sua viagem duraria 7 dias. Na volta, dá para comprar um voo à noite.

Quem tiver de férias, pode combinar Boipeba com Morro de São Paulo. A vizinha é muito mais agitada e tem uma estrutura bem diferente. Vale incluir 4 dias de hospedagem por lá (Encontre seu hotel por lá).

ONDE FICAR EM BOIPEBA

A nossa dica, como já falamos, é ficar mais próximo do centrinho da vila. A gente ficou na Pousada Vila da Barra, em frente à praia da Boca da Barra e do lado da pracinha, e adorou.

Pousada Vila da Barra (Foto: Divulgação)
Pousada Vila da Barra (Foto: Divulgação)

Uma sugestão também é dividir a hospedagem entre o centrinho da vila e Moreré, que também tem uma vilinha, mas com pouca estrutura. Lá é realmente para relaxar e se desconectar. A gente fez um post com sugestões de hospedagem nesta região.

Tem gente que gosta de passar pelo menos uma noite em Moreré para descansar bastante. Uma sugestão de hotel por lá é o Alizées Moreré, mas já publicamos um guia de pousadas nessa praia com outras opções pra te ajudar.

Outra opção é também dividir a hospedagem entre um hotel mais próximo do centrinho e algum hotel com o acesso um pouco mais difícil, como o Céu de Boipeba e o Mangabeiras. Tem para todos os gostos.

Ficou com alguma dúvida sobre quantos dicas em Boipeba são ideais? Deixe nos comentários!

+ Todos os posts do destino
+ Separamos as principais dicas da ilha
+ O que fazer por lá
+ Saiba quais são as principais praias da região

Sobre o Autor
Adolfo Nomelini
Jornalista formado pela PUC-SP e pós graduado em Comunicação em Mídias Digitais, é apaixonado por música, coxinha, televisão, seus óculos e internet. Trabalha há 8 anos com conteúdo online e passa boa parte do tempo "jogando o corpo no mundo, andando por todos os cantos e, pela lei natural dos encontros, deixando e recebendo um tanto".

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Reserve seu hotel aqui
Melhor preço para Seguro Viagem

Sobre Nós
Rafael Carvalho

Somos Adolfo Nomelini e Rafael Carvalho, dois jornalistas que trabalham com conteúdo digital há mais de 10 anos. Aqui você encontra nossas dicas de viagens pelo Brasil e o mundo.